sexta-feira, 7 de setembro de 2018

ELE NÃO ESPERAVA UM MILAGRE, MAS SIM UMA MOEDA.


MILAGRE ONDE E QUANDO.

Mostre primeiro o poder de seu Deus para que o mundo si convença que Ele é um Deus verdadeiro.
Não propale ilusões, falsas promessas, prometendo curas que não acontecem, divulgando sonhos que acabam virando pesadelos.
Si prometemos que vamos curar alguém em nome de Jesus, é porque temos a certeza que Ele nos ouvira e fará o milagre.
Ora si divulgamos um Deus poderoso e nada acontece quando o buscamos em oração, é melhor abandonar a doutrina que tens aprendido.
A falha não é de Deus e sim do maldito homem que defecou no altar do altíssimo, colocando suas imundícias, como a ganância, a doença do quero mais e mais.
Ai surge o desprezo pela saúde das ovelhas, mas arrancam suas lãs, e suas carnes para satisfazerem seus desejos satânicos.

UMA MOEDA, OU UM MILGRE

E Pedro e João subiam juntos ao templo à hora da oração, a nona.
E era trazido um homem que desde o ventre de sua mãe era coxo, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmola aos que entravam.
O qual, vendo a Pedro e a João que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola.
E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós.
E olhou para eles, esperando receber deles alguma coisa.
E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda.
E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e artelhos se firmaram.
E, saltando ele, pôs-se em pé, e andou, e entrou com eles no templo, andando, e saltando, e louvando a Deus.
E todo o povo o viu andar e louvar a Deus;
E conheciam-no, pois era ele o que se assentava a pedir esmola à porta Formosa do templo; e ficaram cheios de pasmo e assombro, pelo que lhe acontecera.
E, apegando-se o coxo, que fora curado, a Pedro e João, todo o povo correu atônito para junto deles, ao alpendre chamado de Salomão.
E quando Pedro viu isto, disse ao povo: Homens israelitas, por que vos maravilhais disto? Ou, por que olhais tanto para nós, como se por nossa própria virtude ou santidade fizéssemos andar este homem?

Atos 3:1-12

Por que Pedro e João não levaram o deficiente para dentro do templo como fazem nos dias de hoje, para que o povo pudesse ver e vibrar, dando assim mais vida  ao culto? No passado não era preciso procurar o milagre, porque o milagre procurava o enfermo, Deus estava presente em toda parte porque seus servos eram fiéis, e não amante de si mesmos.
Infelizmente o homem fez com que Deus encolhesse suas mãos para a igreja, podemos observar que é quase impossível ver um milagre acontecer.
Em nome de Jesus eles não curavam dor de cabeça, ou na coluna, insônia, mas sim pessoas com membros atrofiados, doenças de curas impossíveis para a medicina moderna de hoje.
Evangelizar e curar enfermos é uma ordem que Jesus nos deu, e nos garantiu que os milagres aconteceriam. Assim disse Jesus: Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas;
Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.

Marcos 16:16-18

Si o milagre não acontece, e porque os atuais apóstolos não crêem, e não tem compromisso com Deus, são apenas homens de negócios.
Homens que transformaram os templos em covis de ladrões, casas comerciais, onde vendem falsas promessas com suas falsas doutrinas.
Nem mesmo os demônios são expulsos da vida dos que ali vão, apenas o próprio demônio acalma e da trégua para aparentar que esta tudo bem, dando assim impressão que esta liberta.
E a prova disso que muitos ficam cegos, mudos espiritualmente e sem interesse de ler a palavra de Deus e acabam sendo dominados pela falsa doutrina.
Dando credito a heresias ditas por seus lideres que muitos são teólogos, mas com interesse em tirar proveito das pessoas que estão precisando de um milagre.
Observem que o homem o qual foi curado não era um cristão, isso nos prova que Deus age na vida de seus servos conforme sua fidelidade com Ele.
Aquele homem esperava receber apenas uma moeda, e os apóstolos poderiam tê-lo dito venha se converter para que Deus faça um milagre em sua vida, participe de uma campanha de cura, ou coisas assim.
Não! Eles primeiro mostraram o poder de Deus, para que o enfermo assim pudesse testemunhar sua benção recebida e a igreja assim com toda força glorificasse a Deus.
Homens de negócios gospel não fazem parte do reino de Deus, são apenas malditos comerciantes.
Si clamamos por um milagre de cura que é uma promessa de Jesus, e Ele não nos da credito, algo esta errado, ou Ele mentiu em nos prometer a cura, ou eu sou um falso apostolo.
Deus esta pronto para ouvir o justo, mas onde esta o justo? Será que existem homens em que realmente Deus da credito nos dias de hoje como dava aos apostolo da igreja primitiva?
Tenho minhas duvidas.