sexta-feira, 2 de maio de 2014

CUIDADOS PARA NÃO PECAR CONTRA DEUS

Sempre tivemos a tendência de desobedecer ao Senhor, de duvidar da Sua ação, de pensar que Deus faz aquilo que desejamos e na hora que estipulamos.
O maior erro que podemos cometer é; pensar que o Senhor é nosso servo.
O povo Hebreu quando estava para atravessar o mar vermelho sobre o poder de Deus e o auxilio de Moisés, mesmo o Senhor tendo demonstrado a sua presença entre eles, durante a fuga do reino de Faraó até as margens do mar vermelho, seus corações ainda permaneciam carregados de duvidas a respeito do poder do Senhor, um povo de coração duro.
Para que a nossa Fe mantenha acesa nunca devemos nos esquecer o que aconteceu com aquele povo no deserto. Sabemos que Deus os guiou enviando-lhes uma nuvem que se movia à frente deles. Assim Ele os levou em segurança através das águas do mar vermelho. Isso poderia ser chamado seu “batismo”- Batizados tanto no mar como na nuvem!- como seguidores de Moisés_ sua submissão a ele como seu líder. E por um milagre, Deus lhes alimentou e a água para matarem a suas sedes lá no deserto; foi Cristo quem lhes deu. Jesus estava junto deles como uma rocha poderosa de refrigério espiritual.
Apesar de ter testemunhado tantos milagres, a maior parte deles não quiseram obedecer ao Senhor. E Ele os destruiu no deserto. Com esta lição somos advertidos de que não devemos desejar coisas que desagradam ao Senhor, como eles fizeram, não devemos de forma alguma adorar a ídolos como eles fizeram.
A bíblia nos relata que após saciarem a sua fome com o alimento dado por Deus, dançaram em adoração ao bezerro de ouro. Um ato de ingratidão a Deus.
Outro fato ocorrido que acendeu a ira de Deus, é que alguns daqueles homens, pecaram com as mulheres de outros homens e somente  em um único dia 23.000 deles morreram.
Não devemos por a prova a paciência do Senhor, eles cometeram esse erro e morreram de picadas de serpentes.
Não importa a forma que Deus nos trate, nunca devemos murmurar contra Ele, foi por murmurarem que Deus enviou o seu Anjo para destruí-los no deserto. Todo aquele povo deveria entrar na terra prometida, mas Deus vendo suas incredulidades foi exterminando um a um. A maioria deles estava acostumada com os rituais religiosos de Faraó.
Foram mais de 400 anos para manter a Fe acesa diante de torturas e humilhações. Mas quando Deus usou a Moisés para libertá-los, o Senhor deu a eles varias amostras de Sua Presença entre eles. Mesmo tendo provas concretas duvidaram, e murmuraram contra Deus.
Todas essas coisas sucederam a eles, como  exemplo,  como lições objetivas para nós, afim de nos advertir-nos contra a pratica da mesma coisa; foram escritas para que pudéssemos Ler a respeito delas e aprender nestes últimos dias enquanto o mundo se aproxima do fim.
Tenham muito cuidado em dizer: “Eu nunca faria uma coisa dessas”, Que isso nos sirva de lição. Porque qualquer um pode cair em pecado.
Os pecados que cometemos hoje não há nada de novo são os mesmo do passado.
Nenhuma tentação é irresistível a partir do momento que acreditarmos que Deus a impedirá de se tornar forte.
Quando estamos ligados ao Senhor Ele nos mostra como resistir às tentações
Tiago 4 : 7 – 10 Por, tanto submeta-se humildemente a Deus.Resistam ao diabo e ele fugirá de vocês. E quando vocês se achegarem a Deus, Ele se achegará a vocês. Lavem as mãos, pecadores, e permitam que os seus corações se encham somente com Deus, a fim de torná-los puros e fies a Ele. Haja lagrimas pelas coisas errada que vocês fizeram. Haja arrependimento e aflição sincera. Haja tristeza em vez de riso, e desgosto em vez de alegria. E então, quando vocês sentirem a sua indignidade diante do Senhor, Ele levantará, animará e ajudará vocês.
O melhor momento para testar a nossa Fe; é na hora das aflições.
Efésios 6 : 10 – 18 Por ultimo quero Recordar-lhes que a força de vocês deve vir do imenso poder do Senhor dentro de vocês. Vistam de toda armadura de Deus, afim de que possam permanecer a salvos das táticas e das artimanhas de Satanás.  Porque nós não estamos lutando contra gente feita de carne e sangue, mas contra pessoas sem corpo- os reis  malignos do mundo invisível, esses poderosos seres satânicos e grandes príncipes malignos das trevas que governam este mundo;  e contra um numero de tremendo  no mundo espiritual.
Portanto, usem cada peça da armadura de Deus para resistir ao inimigo sempre que ele atacar, e quando tudo estiver acabado, vocês ainda estejam de pé.
Mas para fazer isso vocês necessitam do cinturão forte da verdade e da couraça da aprovação de Deus. Calcem sapatos que possam fazê-los andar depressa ao pregarem a boa nova da paz com Deus. Em cada batalha vocês precisarão da Fe como escudo para deter as flechas ardentes disparadas por Satanás contra vocês, e precisarão do capacete da salvação e da espada do Espírito-que é a palavra de Deus. Orem o tempo todo. Peçam a Deus qualquer coisa que esteja de acordo com os desejos do Espírito Santo. Argumentem com Ele, Fazendo-o lembrar-se das necessidades de vocês, e continuem orando por todos os cristãos em toda parte.
O versículo 18 é muito interessante, ele nos diz que devemos pedir a Deus coisas que o Espírito Santo esteja de acordo. Quantas orações muitos cristãos fazem somente dizendo Senhor me dá isso, aquilo, mas nem tomamos o conhecimento que primeiro devemos saber se o que pedimos é da vontade do Espírito Santo.
Mas vem a pergunta por que consultar o Espírito Santo, porque somos guiados por Ele, e não por nós mesmos. Os cristãos materialistas não sabem disso, somente pedem sem saber se o que estão pedindo é da vontade de Deus.
Que Deus abençoe a todos.

Editado por José Simião.

02/05/2014