terça-feira, 2 de outubro de 2012

PROFANARAM A CRUZ



Devemos fazer qualquer coisa para ganhar alguém para Jesus? Ou devemos nos orientar dentro da palavra de Deus; a bíblia sagrada.
O evangelho de Jesus tem sido divulgado de forma profana; para agradar o tipo de povo que frequenta os modernos templos e os costumes que eles não conseguiram se libertar.
A preocupação não é cultuar a Deus como um Deus santo e sim, agradar ao publico, o importante é manter o templo cheio Jesus é apenas mais um deus da mitologia.
As igreja fugiram das doutrinas da bíblia para agradar a jovens que não querem abandonar os  costumes que satisfazem os seus desejos carnais.
Eles montam templos em enormes galpões, ensinam para estes Jovens que o importante e servir a Deus; não é preciso ter nenhuma mudança, então eles fazem da seguinte forma se o jovem antes de aceitar o Jesus; curtia “Irom Maiden“ não tem problema podem montar a banda e tocar o mesmo estilo de musica a coreografia e a mesma, e até se vestem igual.
Então os que não querem mudança dizem que toda musica e de Deus, eu não penso assim a musica pode glorificar a Deus; ou desonrar o Seu nome.
Se crermos que foi Deus quem fez todas as coisas, a nossa língua também foi Ele, ela também pode glorificar a Deus, como pode também blasfemar contra Ele.
Eu creio que Deus é o criador de todas as coisas, mas muitos para terem os seus templos cheios vêm aceitando fazer os desejos de pessoas que não apagaram de suas mentes os velhos desejos carnais.
Se não há mudança não houve arrependimento, da mesma forma se não houve arrependimento não houve conversão
O importante não é se Deus está gostando, e sim; a multidão, a multidão é a alma do negocio 
Muitos pastores e apóstolos descobriram que manter uma igreja com membros que não querem deixar os costumes mundanos é lucrativo, sem mudança de vida somos livres, mas existe um sério problema para quem não quer transformação; ele ainda está nas trevas, está iludindo a si mesmo.
Colossenses 2 : 6 -7 E agora, assim como vocês confiaram em Cristo como Salvador, confiem Nele também para os problemas de cada dia; vivam em união vital com Ele. Deixem que as raízes de vocês se aprofundem nele e extraiam dele a nutrição. Cuidem de continuar a crescer no Senhor, e tornem-se fortes e vigorosos na verdade. E que a vida de vocês transborde de alegria e gratidão por tudo quanto Ele tem feito.
A concupiscência da carne: se engloba em todas as coisas que dão prazeres que satisfazem os desejos da carne, entretenimento, conforto, diversão, isso inclui os vícios televisão, filmes, musicas, danças.
Muitas igrejas vivem em pecado porque temem ensinar aos seus membros as doutrinas dadas aos apóstolos pelo Espírito Santo, outras não ensinam para os membros si sentirem a vontade, livres sem compromisso com Deus.
Ouvindo as doutrinas de certas igrejas, não temos a menor duvida que sejam as igrejas do pecado. Elas têm aumentado a cada dia e estão com as portas abertas, igrejas imprudentes,  igrejas que não sabem o que agrada a Deus, não sabem se pertencem ou não a Deus.
Deus quer que reconheçamos os nossos pecados, mesmo o que nunca tenhamos cometido adultério ou assassinato, estamos sujeitos a ser condenados por mentir, ou por cultuar falsos  ídolos, ídolos da riqueza ou do poder, sem conhecer o propósito de Deus em nossas vidas é impossível saber se pertencemos a Ele ou não.

COM OS OLHOS VEDADOS NA BEIRA DO ABISMO.

Posso ser o melhor cantor das chamadas musicas gospel, mas se eu tiver compromisso só com o publico e não com Deus, sou um deficiente visual das coisas espirituais, eu tenho que ter o bom senso de entender que o meu maior compromisso é com Deus; porque eu estou usando o Seu nome para vender CDs, posso até ganhar fama, mas é preciso que eu divulgue o evangelho, porque quando assumimos o ministério do louvor, estamos assumindo um compromisso com Deus.
Não querendo menosprezar o deficiente visual, muitos crentes se fazem de cegos, ou colocam uma venda nos olhos para brincar na beira do abismo, e o pior; muitos são Mestres da palavra.
Precisamos ter certeza se pertencemos a Cristo ou não. I João 2 : 3 – 6 E como podemos ter certeza de que pertencemos a Ele? Olhando para dentro de nós mesmos:  estamos realmente procurando fazer o que Ele quer que façamos? Alguém poderá dizer: “Eu sou cristão, ou estou no caminho do céu, eu pertenço a Cristo”. Mas se não fizer o que Cristo lhe manda, é um mentiroso. Mas aqueles que fazem o que Cristo lhes manda, aprenderam a amar a Deus cada vez mais. Está é a maneira de saber se você é ou não é um cristão. Qualquer um que diga que é cristão deve viver como Cristo viveu.
Devemos imitar a Cristo ou ao mundo para semear palavra? Se Jesus vivesse em nosso meio fisicamente Será que Ele imitaria o mundo e seus costumes para ganhar almas, ou manteria as mesmas doutrinas dadas aos apóstolos pelo Espírito Santo? Certa vez um amigo policial me disse algo muito interessante: existem pessoas que gostam de ter a aparência de marginais, eles fazem questão de ser vistos como pessoas que não cumpre as Leis do país.
Muitos são boas pessoas, trabalhadoras, honestas, mas gostam de manter a imagem de marginais, então quando os vemos na rua somos obrigados a abordá-los, porque infelizmente a aparência nos deixa duvidosa, mas eles preferem ser abordados pela policia a ter que mudar a suas aparências.
Assim tem acontecido dentro dos templos muitos querem servir a Deus, mas da sua maneira, sem nada mudar, carregando a velha aparência, o velho costume mundano, olhos totalmente vedados não fazem questão de conhecer o que é preciso fazer para agradar a Deus, preferem caminhar duvidosamente, mas não querem ir a busca da verdade dentro da bíblia.
Acreditam em tudo que seus mestres lhes falam, as mensagens que mais lhes agradam são aquelas que Deus fazia para o seu povo no velho testamento, de preferência aquelas que prometem realizações de sonhos, mas quando ouvem as exortações dadas pelo Espírito Santo tapam os seus ouvidos e olhos, preferem viver de sonhos, mas não querem ter a certeza que pertencem a Cristo.
A palavra converter quer dizer transformar, vida nova, recomeçar, éramos cegos, vivíamos perdidos caminhando sem direção, se Jesus realmente nos transformou não é licito nos fingirmos de cegos.
Aquele que conhece a verdade e finge ser cego para não enxergar a verdade está cometendo suicídio, e o remédio para a cegueira espiritual são as cartas dos apóstolos.
As cartas dos apóstolos são vitaminas para o nosso corpo espiritual, elas não foram inspiradas por nenhum dos apóstolos, mas sim pelo Espírito Santo de Deus.
Jesus é maravilhoso, bondoso, mas acima de tudo; Ele é justo, e quem é justo não pode aceitar a injustiça.
NA GUERRA SEM ARMAS
Quando estamos com os olhos vedados pelo inimigo, perdemos a sensibilidade espiritual, não conseguimos mais sentir a presença do Espírito Santo, então parece que estamos com mal de alzaheimer, só conseguimos nos lembrar das coisas do passado, e se o no passado eu alimentava aos desejos da carne, haverá uma recaída.
A primeira coisa que Satanás faz com o crente que perde a visão espiritual; é mostrar a ele o que ele esta perdendo servindo a Jesus.
O jogo é assim, Satanás já consegui fazer o crente perder a vontade de orar e ler a bíblia, já é um grande passo para ele, agora ele sabe que você não quer mais ler a palavra então você abandonou tudo, a armadura, as armas, calçado, capacete, abandonou toda proteção de Deus. Leia  Efésios (6 : 10 – 17) Sabemos que atacar o inimigo desarmado é moleza, ele sabe tudo o que o pecador gosta, Outro detalhe Satanás conhece a bíblia mais que qualquer doutor em teologia.
O segundo passo é oferecer ao desviado os pratos pecaminosos, a principio você vai pegar aqueles pratos aparentemente mais leves, mas ele vai mandar os velhos amigos que você abandonou por amor a Jesus, e quando estes amigos chegarem surgirá o grande banquete com pratos abomináveis por Deus, mas ainda falta o nocaute.
O terceiro golpe de Satanás e fazer o desviado odiar a bíblia, ele não suportará mais ouvir  mensagem de Deus, nem no radio, na televisão,  na igreja nem pensar.
Se alguém for visitá-lo com a finalidade de trazê-lo novamente para Cristo, vai ser muito difícil porque está cego e surdo.
O evangelista que for visitá-lo deve ser uma pessoa cheia do Espírito Santo, porque Satanás colocará em seus lábios respostas que causarão desistência em quem está tentando resgatá-lo; para Jesus.
O comportamento interior dos que abandonam a Jesus, é assustador; o evangelista começa a falar, um vento assopra nos ouvidos e o cérebro parece estar desligado, ele não consegue entender nada, mesmo que tenha sido evangélico há muito tempo.
Outra reação quando o evangelista fala: o desviado começa a lembrar de uma história ou um fato qualquer e é impedido de escutar, mas nada relativo a bíblia, segundo algumas pessoas que eu ouvi parece que estão só em um deserto, no espaço, outros dizem que se sentem desligado no momento em que alguém está tentando resgatá-lo para Cristo.
Satanás tem as melhores técnicas para destruir cristãos desarmados.

AGINDO SEGUNDO A VONTADE DA CARNE

Eu testemunhei algumas pessoas tentando trazer de volta irmãos que sairão do caminho de Jesus, infelizmente o resultado foi negativo, eram pessoas sem a visão do Espírito Santo.
O primeiro erro que o pastor cometeu, ele disse ao rapaz: abandou a Jesus, você sabe que se Ele vier hoje você vai para o inferno, ele não disse si quer uma palavra de conforto, uma palavra que desse animo, não si exorta bruscamente quem está fraco na fé, mas é preciso mostra o amor de Jesus, se ao invés de evangelizar começarmos só a apontar erros e condenações isso só vai gerar irá, e o resultado ponto para o inimigo.
Eu tenho uma filha que já foi evangélica, inclusive quando ela nasceu eu o apresentei ao Senhor Jesus, mas com o passa do tempo ela não quis mais frequentar nenhuma igreja sabem por quê? Primeiro foram os amigos que fizeram a sua cabeça, na escola, nas festas isso já faz muitos anos.
A Rachel é muito bonita e inteligente, qualidades que herdou de mim, gosta de ser prestativa, mas odeia certos tipos de crentes; só vai ao templo quando quer. Compromisso com Deus nem pensar, até uns anos atrás ainda havia um pouco de esperança, mas agora ficou mais difícil.
Um pastor veio visitá-la com o propósito de leva - lá para igreja, mas foi uma grande decepção, ao invés de ele falar do amor de Jesus ele começou a falar da vida particular dela, quando este pastor foi embora ela disse: eu odeio este pastor conclusão, enquanto este pastor estava nessa igreja ela não pisava lá.
Falta de experiência, agiu segundo a sabedoria do homem, e não do Espírito de Deus, um caso que somente Jesus pode resolver.
Não aponte os erros dos que estão nas trevas, mas mostre a diferença entre a luz e as trevas.
Jesus não apontou os erros da prostituta, Ele não disse olha; você sai com dezenas de homens, leva uma vida suja, seu dinheiro é sujo, se você não mudar de vida irá para o inferno, não! Ele apena pergunta para ela: onde estão os teus acusadores? Nenhum deles acusou você? “ Não Senhor disse ela. Jesus disse:  Eu também não” João 8 : 1 – 11 Se Jesus agisse com ela como é de costume do homem pecador, Ele estaria atirando pedras nela.
Ele mostrou a ela e a nós que não existe nenhum ser humano perfeito diante dos olhos de Deus.
Podemos atirar pedras de verdade em uma pessoa, mas a nossa língua em mau uso, e uma pedrada que machuca quando não agimos pelo Espírito Santo de Deus.

Editado por José Simião.
01/10/2012