terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

UMA ORAÇÃO PARA DEUS OUVIR.



Salmo 25 :  1-12
Senhor, nesta oração eleva a minha alma à Tua presença. Meu Deus eu confio em Ti, Não me deixes esperar em vão. Não deixe que meus inimigos se alegrem com minha derrota.
Sei que quem confia em Ti nunca será derrotado. Mas quem procura destruir o inocente, esse sim será destruído!
Senhor mostra-me quais são os Teus caminhos; ensina-me por onde devo andar. Ajuda-me a andar na Tua verdade ensina-me o que é certo, pois Tu ES o meu Deus, o meu Salvador. Confiarei em Ti por toda a minha vida. Ó Senhor, por favor, esqueça os pecados que cometi quando ainda era Jovem. Olhe para mim com olhos de bondade e amor, Tua bondade de e Teu amor eterno.
O Senhor é bom e justo; Ele tem prazer em ensinar o caminho certo aos pecadores. Ele ensina aos humildes o caminho da justiça, o Seu caminho. Quando obedecemos aos mandamentos do Senhor, Ele nos faz andar pelos Seus caminhos de verdade e amor.
Mas Senhor, o meu pecado é tão grande! Por favor, perdoa-me, para honrar o Teu nome.
O Senhor ensinará pessoalmente o caminho certo ao homem que obedece a Ele.
O ser humano é a criatura que mais guarda o ódio no coração, durante este período que Deus nos permite viver neste mundo passamos por momentos que nos leva a alimentar o ódio em nossos corações parece absurdo, mas essa é e mais pura verdade.
A maioria dos cristãos não conhece a palavra perdão, não sabem perdoar o seu irmão em Cristo.
Alguns dizem bem, eu perdôo, mas ele para lá eu para cá este é o ato de perdoar mais comum no meio do povo que segundo eles dizem ser servos e imitadores de Jesus, e o mais engraçado é que se você falar que eles estão errados retrucam dizendo: você fala isso porque não sabe o que ele fez contra mim.
Muitos que vivem de pregar o evangelho ensinam a prática do perdão, mas eles mesmos não têm a capacidade de perdoar.
Se nós que dizemos ser imitadores de Jesus não sabemos perdoar o nosso semelhante, como podemos pedir perdão a um Deus que é Santo e que está sempre pronto para nos perdoar. É muito fácil ensinar a prática do perdão a outros, mas quando alguém nos fere as coisas mudam de rumo.
Então alguém lhe pergunta onde está aquele seu velho amigo, e você como um bom e exemplar cristão responde: há! Ele andou ofendendo a mim então me afastei dele, eu quero distancia dele já até entreguei para o senhor.
Isso não é um comportamento de Cristão, e sim de crente vilão. O Senhor pode cobrar as pessoas que nos ofenderam a partir do momento em que nós como crentes a perdoá-mos, e continuamos amando as mesmas, isso é um ato de cristão conhecedor da palavra.
Jesus nos perdoou mesmo sendo recusado por nós, Ele aceitou tudo que um crente não aceita, apesar de toda humilhação que sofrera Ele nos amou esquecendo cada momento de dor que por nós passou. Eu pergunto, como Deus pode ouvir a oração de alguém que guarda o ódio no coração talvez você vá me dizer que não guarda ódio somente se afastou de que você dizia ser seu irmão em Cristo, a figurinha chave do álbum do Reino dos céus se chama amor sem ele é impossível alcançar o reino de Deus.
Podemos pregar o evangelho para o mundo todo, expulsar demônios, curar enfermos e até mesmo dar o nosso corpo para ser queimado. Podemos distribuir tudo que possuímos, mas se não praticar-mos o amor tudo é invalido diante dos olhos de Deus.
Entende porque muitas vezes Deus não nos ouve, porque somos maus diante de Seus olhos praticamos a falsidade no meio do corpo de Cristo.
Temos que entender que a vingança não nos pertence perdoar o nosso semelhante é nosso dever, mas isso é difícil sabem por quê? O inimigo coloca em nossos corações que se perdoar-mos estamos se passando como otário, idiota, crente tolo e esta são  táticas do inimigo para que alimentemos o ódio em nossos corações.
Quando guardamos magoa de alguém satanás cria um paredão entre a igreja e Deus é este o motivo da nossa oração não ser ouvida por Deus.
Deus ouve a oração do justo se a nossa oração não surte efeitos é porque não somos considerados justo perante Deus.
Amar a quem nos ama é fácil, o quase impossível é amar a quem nos odeia, e aos que querem nos destruir, amar o inimigo é o verdadeiro amor de Jesus se manifestando em nós..
É preciso conhecer os caminhos do Senhor para que Ele possa ouvir as nossas orações.

Editado por José simião
27/02/2012   
    

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

O MUNDO JUDIA, MAS TAMBÉM ENSINA




Muitas pessoas vivem jogadas e abandonadas pela sociedade, estas pessoas são rejeitadas, a maioria foge delas com medo que venham pedir algo.
Ajudar ao semelhante não é um dom que todos possuem, existem muitas pessoas más que são capazes de atear fogo em seus semelhantes, que vivem dormindo nas calçadas das grandes cidades.
 Durante um bom tempo, na minha adolescência eu fui vitima de abandono, meus familiares me jogaram ao relento com apenas onze anos, então eu tive o prazer de conhecer a fome, o frio, e até a vergonha porque não tinha o que vestir, pude também conhecer jovens que roubavam para sobreviver.
A história destes meninos de rua, era semelhante a minha, pais alcoólatras, homens e mulheres que não conhecem a responsabilidade de ser pai, pessoas sem preparo para ser chefe de família, ter filhos é fácil, mas amar os filhos não é para qualquer um.
Quando uma criança é jogada na rua, ela esta a mercê do mal da exploração, sujeito a morte.
Quando uma destas crianças pede um copo com água em um bar o comerciante manda sumir, ou então se param enfrente a um restaurante o proprietário expulsa, a policia também agride os meninos com cassetete de borracha.
A escola do mundo é violenta, não existe a compreensão, o amor.
Eu fui um dos meninos que tiveram sorte, Deus me resgatou das ruas e me transformou em um pai de família.
Conheci muitas pessoas más e também muitas pessoas boas, algumas me ajudaram com alimento, roupas, e até casa para morar. Jesus mudou o rumo do meu caminho.
Tudo que passei foi uma grande experiência de vida, hoje estou preparado para qualquer situação seja na fome ou no frio.
Aprendi que o trabalho é a melhor forma de nos identificar como pessoa honesta, quando alguém se dedica a trabalhar todos querem ajudar, mesmo que seja um mendingo.
Não importa qual seja a crença, o amor esta no coração de todos basta deixa-lo entrar em ação. Não basta dar uma moeda, é preciso ouvir a historia do menino de rua para que saiba qual o motivo que o levou ao abandono.
Muito destes meninos que vivem nas ruas tem casa e familiares, mas estão ali somente para roubar, outros estão ali porque não tem para onde ir, mas quando a policia chega não quer saber quem são os bons ou ruins todos apanham.
Somente Jesus pode mudar a vida de um ser humano, é preciso que o amor de Jesus manifeste no coração da humanidade para que possam enxergar a miséria em que vivem milhões de vidas.
AME O TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO.

Este é o mandamento que nos conduz ao Reino dos céus, se você olha para o seu semelhante que esta passando por situações de miséria e vira o rosto, você é um cego espiritual, esta enganando a si mesmo não esta apto a ser um seguidor de Jesus.
Muitos crentes vivem na ilusão crendo que somente orar e louvar basta, é preciso estender as mãos para os necessitados.
Conheci um homem que tinha uma deficiência física, não tinha teto para morar talvez nem alimento todos os dias, mas o pastor da minha igreja resolveu ajudá-lo então com o passar do tempo este homem aceitou a Jesus, foi batizado e passou a pregar o evangelho que antes desconhecia. Era um homem simples que andava mal vestido e que muito o desprezava. Bastou apenas um simples ato de bondade para que a vida deste homem tomasse um novo rumo
É preciso que demos o primeiro passo para que o amor de Jesus manifeste em nós, e também para que venhamos enxergar as pessoas que estão precisando de nós. Ser cristão e demonstrar amor pelos nossos semelhantes, ajudando tanto nas coisas materiais como na vida espiritual, lembrando que quem ajuda não deve buscar interesses ou algo em troca.

PRIMEIRO OS DA CASA.

Jesus quando ajudava as pessoas Ele não perguntava qual era a crença e sim fazia o milagre.
Certa vez um irmão me disse que devemos primeiro ajudar os nossos irmãos em Cristo, eu não concordo com essa pratica, e se alguém esta precisando de ajuda devemos primeiro socorrer para depois oferecer-lhe a Salvação através de Jesus.
Os que estão com fome, primeiro precisam comer.
Muitas almas estão se perdendo por falta de experiência de certos evangelistas porque dizem: se você vier para a nossa igreja podemos ajudá-lo, para ajudar aos nossos semelhantes não devemos nos preocupar se é evangélico ou não, e sim enxerga-lo como um ser humano primeiro a pessoa precisa ver o verdadeiro amor de Jesus se manifestar em nós.
A melhor forma para falar de Jesus é praticando atos de bondade, estendendo as mãos para os nossos semelhantes sem tentar tirar nada.
Alguns crentes gostam de aproveitar dos que estão com a corda no pescoço, querem que você trabalhe para ajudar a igreja em troca de comida ou roupas velhas, ou que você venda algum objeto pessoal por baixo valor e ainda dizem que são servos de Jesus.
Hoje a igreja de Cristo esta dividida, a igreja “A” não ajuda a igreja “B” porque são concorrentes evangélicos.
Talvez você seja um crente que os outros irmãos julgam perfeito, ou quase perfeito todos gostariam de ser como você, não tem nenhum vicio, respeita a família, não falta aos cultos, ora por todos os irmãos até mesmo profetiza.
Aparentemente um crente modelo, mas quando alguém bate em sua porta para pedir algo você muda o semblante o Espírito Santo já não se manifesta porque querem tirar algo de você. Ou mesmo quando aquele irmão que esta passando por momentos difícil e você não o ajuda e sim o convida para orar e depois o manda embora dizendo ao irmão o versículo que você decorou tudo posso naquele que me fortalece. Em
Romanos 12: 8 -10 Se é pregador, veja que os seus sermões sejam enérgicos e proveitosos. Se Deus lhe deu dinheiro, ajudem aos outros com generosidade. Se Deus lhe deu capacidade administrativa e o fez responsável pelo trabalho dos outros, tome esse cargo com seriedade. Aqueles que levam o consolo aos entristecidos, devem fazê-lo com disposição cristã Não finja apenas amar aos outros: amem realmente. Odeie tudo aquilo que esta errado. Coloquem-se ao lado do bem. Amem-se uns aos outros com afeição fraternal e tenham prazer em honrar uns aos outros.
Ser um cristão seguindo as doutrinas de Jesus não é para qualquer um, quando Jesus disse: muitos serão chamados, mas poucos eu receberei para viver em Meu Reino, é porque o caminho não é tão simples como pregam.
A miséria, a desigualdade social esta ligada a raiz da árvore conhecida como ganância, orgulho, mentira, corrupção somos piores que os animais irracionais.
Nós conseguimos o que nenhum dos animais irracionais conseguiu destruir a nós mesmo.
Somente o amor de Jesus pode mudar a vida da humanidade, estamos caminhando com um grande espelho em nossa frente só enxergamos a nós mesmos, amamos a nós mesmos, desejamos o bem somente a nós.

SOU APENAS EU MESMO.
Não sou apóstolo, nem pastor e nem pretendo ser, convites nunca faltaram, mas sempre digo não. Ser um representante de Jesus é algo muito sério e eu não gostaria de ser apenas mais um.
Quero apenas servir como simples servo, posso dizer com toda certeza que somos salvos, e os que herdarem o reino dos céus será somente pela misericórdia de Deus, somos maus e amantes de nós mesmos.

Editado por José simião.
23/02/2012  

       

   

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

FALAR DE JESUS É SINONIMO DE MORTE.


ATÉ QUE PONTO VOCÊ HONRARÁ O NOME DE JESUS?
Nós que vivemos em um país que nos da toda liberdade de pregar o evangelho se alguém nos pergunta, qual é a sua religião? Respondemos com orgulho: sou crente em Jesus, ora é simples porque o nosso país nos da a liberdade de seguir a qualquer seita religiosa somos livres.
Podemos pregar o verdadeiro evangelho da salvação de porta em porta, de cidade em cidades, dentro dos estádios de futebol nos ônibus, somos livres e não percebemos, não damos valor por termos este privilégio.
Até que ponto você honraria o nome de Jesus? É claro que aqui em nosso país todos vão dizer: eu morro por Jesus, é fácil porque somos livres.
Podemos construir quantos templos quisermos pregar a verdade ou mesmo a mentira ninguém vai nos espancar ou incendiar a casa do Senhor.
Posso dizer em alta voz sou um pastor ou um apóstolo, não preciso esconder minha identidade cristã porque as autoridades não nos perseguem. Pregar o evangelho no Brasil como diz o ditado popular é mamão com açúcar, é moleza.
É tão simples que posso ter meu site evangélico, ser destaque na mídia, pode pregar o evangelho pela TV, pelo radio e ninguém me persegue.
Posso gritar com todas as forças que os meus pulmões permitirem e dizer: “Jesus é o Senhor”.
Há uma grande diferença entre o crente perseguido e o crente livre, o crente livre vai e vem a qualquer hora em qualquer lugar, mas o servo de Deus que é perseguido pelas autoridades governamentais tem que ser crente de verdade, ele não pode ser covarde. Só a razão de ser um servo de Deus em um país dominado pelo islamismo já é prova suficiente de fidelidade a Jesus.
Será que nós que somos livres para falar de Jesus teríamos a coragem de colocar a nossa  vida a disposição da morte para falar do amor de Jesus?
Será que estaríamos dispostos a morrer por Ele, defender o Seu evangelho como defendemos aqui, ou faríamos como o apóstolo Pedro fez quando lhe perguntaram se ele era um dos seguidores de Jesus, ele disse-lhes não o conheço, nunca o vi antes.
Tal vez Pedro naquele momento de fraqueza tenha pensado se eu disser que sou um dos seus seguidores irão me prender, ou talvez matar-me, ou zombarem de mim, sabem por que Pedro disse que não conhecia a Jesus aquém ele tanto defendia, Pedro ainda não estava cheio do Espírito Santo, mas depois que Pedro e os demais apóstolos foram cheios do Espírito Santo então acabou – se o medo, agora eles falavam de Jesus com  toda ousadia não estavam preocupados se seriam presos ou mortos o que importava para eles era ganhar almas para Jesus.
Estes crentes que são mortos em países que proíbe a divulgação do evangelho   realmente estão sobre a orientação do Espírito Santo de Deus, são eles os verdadeiros heróis de Cristo cristãos que  não temem a morte  mas tem um compromisso com Jesus.
Quando falamos de Jesus pelo poder do Espírito Santo começamos a pregar o evangelho falando como simples pregador da palavra, de repente somos tomados pelo Espírito Santo e perdemos o controle de nossos lábios, já não somos nós que esta falando e sim o Espírito de Deus. Você não sente os seus lábios mexerem é algo fantástico é o poder de Deus agindo em nosso corpo.
É algo tão maravilhoso, e inexplicável que estudamos em casa antes de ir para o templo, e quando começamos a entregar a mensagem o Espírito Santo muda a mensagem de acordo com a necessidade do público.  
Somente com a vida guiada pelo Espírito Santo temos a capacidade de encarar as mais difíceis situações para defender o nome de Jesus.
Não é possível tomar almas que estão sobre o poder de satanás sem a unção do Espírito Santo da mesma forma não é possível levantar do banco da igreja e sair em busca de novas almas. Estevão foi morto a pedradas porque falou pelo Espírito Santo Atos 7 : 1-59. O apóstolo Pedro também cheio do Espírito Santo não deixou de falar a verdade a respeito de Jesus. Atos 4 : 8 -12 O crente que conhece o Espírito Santo só tem medo da morte da alma porque para ele tudo aqui é passageiro. O nosso corpo morre e acabou  mas a nossa alma se cair no inferno lá o sofrimento é eterno, e como uma enfermidade que vai comendo o nosso corpo aos pouco com uma dor terrível, os que caírem ali vão desejar morrer definitivamente, mas o sofrimento é eterno.
Ser crente cadeirante é uma coisa, ser ganhador de almas é um compromisso, é uma ordem dada pelo Filho de Deus Marcos 16 :15-18.
Para os crentes que vivem em países onde não pode divulgar o evangelho é uma missão de alto risco, mas para nós que vivemos em liberdade religiosa é um privilégio.
Nestes países os crentes sofrem humilhações como Jesus sofreu, são presos espancados, queimados vivos, passam fome.
Mas nós aqui comemos bem temos carrões mansões até jatinhos, para nós crentes brasileiros é um prazer ser um ministro de Deus.
Todos os dias podem ver na interne te pastores brigando, criticando, zombando do seu companheiro de ministério depois querem pregar sobre a paz, e o amor de Jesus Cristo, querem ensinar o que não praticam.
Tudo isso porque temos a liberdade de falar de Jesus, mas usam os veículos de comunicações para falar heresias e venderem os seus peixes.
Somente o Espírito Santo pode nos dar o entendimento e a sabedoria, o caminho do Reino do céu é cheio de buracos e espinhos, por isso poucos serão os vencedores.
Você diria que Jesus é o Senhor mesmo sabendo que vai morrer se disser? Ou agiria como Pedro em seu momento de fraqueza.
De uma coisa eu tenho certeza, se o crente estiver cheio do Espírito Santo ele falará com palavras de sabedoria e tudo será segundo a vontade de Deus.
Para o servo fiel morrer ou viver somente pertence a Deus.       

 Editado por José simião.
20/02/2012

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

UM CAMINHO SOBRE MODO EXCELENTE.




Sabemos que o único caminho para herdarmos o Reino dos céus é Jesus, o Filho de Deus. Apesar de ter vivido entre os pecadores Ele venceu a morte. Era um homem perfeito, nunca cometeu um único pecado, a alegria do Pai estava Nele.
O mais importante na vida de quem aceita Jesus como Senhor é conhecer os Seus ensinamentos para que não venha se tornar motivo de escândalo para o mundo, ou para o próprio corpo de Cristo (a igreja)
Hoje poucas igrejas ensinam aos membros como se deve caminhar em direção a Cristo.
É importante que tenhamos sabedoria.
Provérbios 8 : 6-11 Ouçam, porque os meus conselhos São valiosos e muito importantes. E todos eles são verdadeiros e justos Sim, eu lhes anunciarei a verdade porque eu detesto a mentira e o pecado. Sim todos os meus conselhos são sábios e justos; não há menor mentira ou maldade. Qualquer pessoa, com um pouco de inteligência, pode entender minhas palavras e verificar que elas estão absolutamente certas. Os meus conselhos valem muito mais que a prata; quem me conhece tem algo mais valioso que o ouro puro. Sim, a sabedoria vale muito mais que pedra preciosa; você pode imaginar qualquer tipo de riqueza, mas isso não pode se comparar com o valor da sabedoria.
Nós pedimos tantas coisas para o Senhor, mas nunca lembramos de fazer como fez o Rei Salomão, que ao invés de pedir riquezas para beneficiar a si mesmo pediu a Deus somente sabedoria, sabem por quê? O homem que adquire riquezas, mas não adquire sabedoria perde tudo ele não saberá como administrar os seus bens.
Alguns crentes dizem há Senhor até quando eu vou viver nessa miséria, eu sou Seu servo e sofro mais que os incrédulos, o crente sábio não passa miséria porque primeiro ele busca o reino de Deus, os seus desejos ficam para o segundo plano é Deus quem decide quem busca primeiro o reino de Deus é um cristão sábio.
Quantas vezes eu fui para igreja só para pedir, Senhor me da isso me da aquilo eu era famoso crente mendigo ele só sabe pedir e o pior existem mestres da palavra que só ensinam isso.
Hoje para ser membro de uma igreja é preciso ter um bom conhecimento da palavra de Deus.
Para nós pedirmos algo para o Senhor não podemos usar versículos onde Deus fez uma promessa para um povo que vivia pela Lei, estes foram um povo que Deus tinha um plano para vida deles. O que Deus prometeu para uma família era só aquela família que recebia as bênçãos, o que Deus prometeu a uma nação servia somente a aquela nação, o que Deus prometeu a todos, isso serve para os dias de hoje.
Este povo do passado que Deus abençoou, Ele tinha um plano para cada tribo alem do mais, eles tinham que cumprir o que Deus exigia; as Leis e os sacrifícios de animais.
Com o surgimento das Leis aqueles que as cumpriam eram abençoados, mas os infratores eram mortos, obedecer e ser abençoado desobedecer e ser apedrejado, era difícil, não é? Não podemos nos basear em servos do passado que vivia para cumprir Leis e ser abençoados.
Através da morte do Filho de Deus todas as Leis foram cumpridas porque o Seu sangue era precioso diante dos olhos do Pai, O sangue de Jesus é tão precioso que a Lei para nós não tem nenhum valor não podemos ser salvos por ela, foi a própria Lei que condenou o Filho de Deus, Ele foi julgado pela Lei pela, e pela Lei o preço do pecado era a morte sem dar nenhuma chance de arrependimento ao pecador.
Jesus perdoa a todos que o buscam, Ele é amor a paz a esperança, Ele não exige nenhum centavo seu o seu dinheiro para Jesus não tem nenhum valor, mas a sua alma vale mais que a pedra preciosa  mais cara do mundo.
Jesus não valorizava coisas matérias porque Ele sabia que tudo vai perecer, o pecado vem através do apego “as” coisas matérias.
A casa do Senhor é casa de oração e não um serviço social direcionado a satisfazer desejos carnais.
Jesus tem sido esquecido como Salvador das almas, mas o Seu nome e bem divulgado como solucionador de problemas materiais, este não é o caminho da salvação e sim, o caminho da ilusão onde milhares são iludidos com falsas promessas.
O caminho de Jesus não é feito de falsas promessas e nem de luxo, os templos luxuosos não divulgam o nome de Jesus e sim dos seus construtores.
Toda honra e toda gloria pertencem a Ele, e não a nós pecadores.
Muitos seguiam a Jesus não pelo que Ele era e sim pelos seus milagres por interesse.
Quando o diabo ofereceu tudo a Jesus Ele o repreendeu porque Ele queria somente servir ao Pai.
O servo fiel, Deus o contempla na hora certa dando - o a medida certa tudo que pedimos para o Senhor unicamente para satisfazer os nossos desejos Ele não nos concede, porque Ele é Deus e Deus não faz a vontade do homem.
O hino diz sua fé Jesus contemplara sim o que Jesus promete da, Ele vê o coração e responde a petição.
Se o coração estiver em busca de coisas que satisfazem os desejos da carne este tipo de oração Ele não ouve.
O caminho sobre modo excelente é feito de oração e renuncia ao pecado, o caminho de Jesus não há interesses em coisas materiais, mentiras e falcatruas.
O bom pastor conduz o seu rebanho pelo caminho da verdade, suas ovelhas são bem alimentadas com a palavra e não com promessas.
Os falsos pastores exploram as suas ovelhas, tiram as suas lãs e as colocam para dormir ao relento, no frio, na chuva.
Eles são tão duros de coração que só lembram do rebanho na hora de tosquiar, com a lã eles fazem fortunas.
Mas o verdadeiro pastor o Filho de Deus que não tinha nem um teto para descansar, que vivia de vila em vila sem ter hora certa para se alimentar, Ele resgata todas as ovelhas e cura as suas feridas e as conduzem por pastos verdejantes, e a noite Ele as colocam no curral para protegê-las dos lobos. Ele não mente para aumentar o Seu rebanho porque Ele é a verdade.
Jesus é o único caminho, o caminho sobre modo excelente o caminho da verdade da luz da vida.
Jesus é tudo para nós, devemos estar sempre preparados para enfrentar as lutas tanto da vida espiritual como da vida material, lembrando que somos um povo eleito por Deus, um povo que caminha em direção a morada celestial.
Caminhar sobre modo excelente é saber que nada tem valor sem o amor que Cristo ensinou Corintios  13 : 1 Se eu tivesse o dom de falar em outras línguas sem te - las aprendido,  se eu pudesse falar em qualquer idioma que há em toda terra e no céu e no entanto não amasse os outros, eu estaria só fazendo barulho.
O caminho de Cristo não é como muitos pensam; é um caminho de dores de sofrimento, e lutas, é uma guerra constante da carne contra o Espírito.
Muitos vêem em seguir a Jesus como um mar de rosas, paz conforto fartura, mas não foi isso que Jesus nos prometeu.
As promessas que Jesus fez para os verdadeiros servos é sofrimento da carne; no mundo tereis aflições.
A vida de Jesus foi somente sofrimentos e perseguições porque Ele ensinava a verdade, e dos Seus apóstolos também foi dolorida, eles cantavam nos momentos de aflições para não desanimar caminhar sobre um modo excelente é amar a quem deseja a nossa morte, é dobrar os joelhos por aqueles que nos odeia, é falar de Jesus mesmo na hora em estamos sendo torturados.
Honrar o nome de Jesus é uma missão quase impossível.
Sem a pratica do amor que Jesus nos ensinou nada tem valor.
João 13 : 34 - 35 Por isso Eu estou dando a vocês agora um novo, andamento- amem-se tanto uns aos outros quanto Eu amo vocês. Esse profundo amor que vocês tiverem uns pelos outros provará ao mundo que vocês são Meus discípulos.
O amor é o cumprimento de todas as Leis.
É preciso nos conscientizáramos que só existe uma solução para dar fim a todos os conflitos de nossa vida pessoal e para todos os problemas da humanidade: o Amor de Jesus Cristo, o filho de Deus.

Editado por José simião
16/02/2012

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

SER POBRE É UM CASTIGO DE DEUS?




Eu não murmuro por ser pobre, mas sempre falo aos meus filhos que gostaria de ter um carro, uma casa própria, e poder dar estudo para eles, este é o desejo de todo pai. Mas a vida do crente pobre é tão sofrida que muitas vezes por falta de conhecimento da palavra chegamos a pensar será que Deus não esta vendo a minha situação?
Esta semana meu filho e eu estávamos caminhando, e eu estava muito cansado da vida que levo então eu disse a ele que a vida do pobre é muito sofrida, e meu filho que não é crente me disse uma palavra que me surpreendeu, ele olhou para mim e disse-me: Pai ser pobre é uma dádiva de Deus, é ser especial para Deus, eu fiquei assustado com suas palavras e comecei a meditar, e cheguei a conclusão que ele está absolutamente certo parece absurdo, mas é isso mesmo.
O cristão pobre não tem outra saída a não ser confiar em Deus, o ser humano só tem duas saída dinheiro ou Deus, segundo o meu filho que não é crente em Jesus felizes são  aqueles que dependem unicamente de Deus.
Quem depende de Deus ao acordar ora, agradece pela refeição, pela saúde dele e de toda sua família, ele clama ao senhor para proteger a sua família, porque sabe que não tem o dinheiro para se apoiar. 
Eu confesso aos irmãos que não sou igrejeiro, não vivo dentro da igreja como muitos não fico em filas de oração, mas sou fanático pela leitura da palavra, eu acredito que o mesmo Deus que ouve quem esta orando por mim também pode me ouvir.
Não gosto de incomodar a Deus buscando coisas materiais, acho este comportamento de cristão idiota sem noção da palavra.
Não devemos depender da oração de outros e sim de Deus.
Se você pode falar diretamente com Deus porque ficar dependendo do seu irmão, ou você esta em dívida com o Senhor.
Em 2009 eu precisava de um aumento de salário eu disse ao gerente da loja para resolver o meu problema, mas ele nada fez porque não tinha crédito para esse assunto com o dono da empresa, então eu mesmo falei com o dono da rede de lojas, Sabem o que aconteceu ele me deu o aumento além do que eu esperava.
Ser um cristão pobre, não significa que Deus nos abandonou, só a razão de conhecermos a Jesus nos torna milionários espiritualmente até mesmo na vida material com a ajuda de Jesus passamos a administrar melhor os nossos bens.
O ser humano pobre e sem Jesus vive uma vida de lamentações, porque somente Ele nos da a razão de viver, sem Jesus deixamos de ser pobres e passamos a ser mendigo.
Aquele que mendiga na vida espiritual passa a ser sustentado pelos restos de Satanás.
Muitos dizem que a pobreza é o resultado do pecado de Caim, isso não tem nada haver, porque Caim construiu uma cidade criou a sua família, então ele não era vagabundo.
A pobreza é gerada por nós cristãos ou não cristãos, está cheio de cristãos que explora os empregados, forçando-os a viverem na pobreza.
A riqueza de muitos é a vitória da avareza sobre o conformismo, falta de conhecimento, interesse próprio, de milhares.
Se você é pobre não permita que certos lideres ambiciosos o transforme em mendigo, saibam que somente Jesus é a alegria dos homens, a maior riqueza que podemos ter é Jesus no coração.
Certos pastores, e apóstolos dizem que o crente tem de ser rico porque segundo eles o nosso Pai é rico, o amor ao dinheiro é o passaporte para o inferno.
Em nenhum dos ensinamentos de Jesus Ele nos incentivou a nos preocupar com a riqueza, os seus verdadeiro apóstolo foram enviados para evangelizar, Ele disse-lhes: NÃO LEVEM NADA A MAIS.
Como disse o meu filho ser pobre é um privilégio, é ter a oportunidade de falar com Deus todos os dias da nossa vida.
Durante estes meus cinqüenta e tantos anos conheci muitos pregadores famosos, alguns foram meus professores de teologia outros apenas pastores, alguns eram humildes outros arrogantes, outros eram pobres. E para dizer a verdade eu sentia alegria e a presença de Deus quando um pastor pobre falava comigo, as palavras dos pregadores que conhecem a pobreza são verdadeiras, eles não vivem de fantasias.
Hoje os apóstolos não ensinam que devemos nos preocupar mais com a vida espiritual, eles são especialistas em fazer pessoas serem ricas.
Qualquer crente que conhece a palavra sabe que devemos primeiro buscar as coisas espirituais. Então meu irmão se você é pobre ou um rico falido e esta todos os dias em sua igreja pedindo oração para Deus mudar a sua vida financeira mude a sua oração, peça conhecimento da palavra.
Jesus sempre deu credito aos pobres, porque Ele sabia que o dinheiro vai levar muitas almas para o inferno.
A teologia da prosperidade tem nos ensinado que a pobreza é do diabo, eles estão errados se isso fosse verdade Jesus estaria mentindo Lucas 6 : 20 Então Ele voltou-se para os seus discípulos e Disse: “Felizes são os pobres, pois de vocês é o Reino de Deus! Observem como eles ensinam, pregam o evangelho de uma forma que os  que estão em busca da salvação somente aprendem a buscar bens materiais.
O primeiro pensamento que o diabo coloca na mente de quem ouve estes lobos, é que Deus tem a obrigação de mudar a sua vida financeira, e se isso não acontecer você perde a sua fé e julga o nosso Deus como incompetente e sem ação. È exatamente um jogo satânico para que você corra atrás de riquezas e esqueça que o plano de Jesus é resgatar almas perdidas.

SEJA UM CRISTÃO POBRE, MAS ESPERTO.

Outro ensinamento deles incentiva os membros deixarem de cumprir os seus compromissos para dar ofertas, confiando que Deus devolverá o seu dinheiro em dobro.
Isso é comprometer o nome de Deus.
Já mais Deus aceita este tipo de fé, observem como eles comprometem e sujam o nome do Senhor. Quem vive pedindo bens matérias para o Senhor não passa de um tolo, não se engane pensando, se o Pai é rico o filho tem de ser rico.
Apesar de Pai ser rico nem todos são Seus filhos, Deus é o dono do ouro e da prata isso não quer dizer que você tem direito de possuir riquezas,  mas Ele esta nos dizendo que tudo Ele fez
Não devemos tentar o Senhor. Vejam como estes homens agem iguais a satanás Lucas: 3-9-11-12 Então satanás O levou a Jerusalém, a um telhado alto do templo, e disse: “Se você é o filho de Deus, salte! Pois as escrituras dizem que enviará seus anjos para guardarem Você, e para evitarem que se despedace là embaixo!”
Estes homens convidam você para ir ao templo deles e lá eles mostram tudo que segundo eles você tem direito de desfrutar porque afinal você é filho do Pai, então eles mandam você tentar a Deus, pedindo tudo que sempre desejou. Mas no versículo 12 de Lucas 4 Jesus cheio do Espírito Santo responde a satanás: “As escrituras também dizem”, “Não tente Deus com provas tolas”. Fazer provações com dinheiro crendo que o Senhor dará em dobro é atitude de tolo, isso é uma armadilha de satanás que engana a milhões


A MAIOR RIQUEZA É JESUS. 

Jesus nos deu a salvação entregando a Sua vida em um madeiro, e além de morrer por nós, como presente nos deixou o Espírito da sabedoria, o Espírito Santo, aquele que nos da todo o entendimento da palavra.
Existem situações em nossa vida que apenas uma simples palavra de sabedoria que ouvimos de alguém pode mudar o rumo da nossa vida.
Quantas pessoas já cometeram suicídio, e cometeram outros tipos de loucuras por ouvirem palavras de pessoas tolas, assim também muitos preservaram suas vidas por ouvirem palavras de sabedoria.
Da boca do tolo nada se aproveita, é por isso que a palavra nos ensina que devemos primeiro buscar o Reino de Deus, é desta forma que encontramos sabedoria para viver em paz com Cristo.

Editado por José Simião
06/02/2012

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

DIZEM QUE JESUS NÃO É DEUS.


Eu li um artigo esta semana afirmando que Jesus não é Deus, e sim uma criação de Jeová.
Muitos dizem que Jesus não tinha poder próprio, será verdade?
Existem varias seitas que não crêem em Jesus como o Senhor dos senhores, eles menospreza a autoridade de Jesus, eles dizem que Jesus não agia por sua própria vontade,  isso porque tudo o que Ele fazia dependia do Pai. Outros apresentam Jesus apenas como servo de Deus.
Quando Deus estava se preparando para criar o homem Ele disse para alguém Façamos o homem a nossa imagem e semelhança Gênesis 1: 26 será que Deus estava olhando no espelho e dizendo a Ele mesmo? Ou esta segunda pessoa a quem Ele falava era Jesus o Seu filho, ou nós cremos em Jesus como Senhor ou desistimos de ser cristãos e voltamos a seguir a velha e falha Lei. Não é possível alguém pregar a salvação e prometer cura em nome do filho de Deus sendo que ele mesmo não crê em Jesus como a segunda pessoa de Deus.
Os pregadores do anticristo pregam um evangelho morto, não sabem pregar a salvação, e não conhecem o significado da morte na cruz.
A bondade e a misericórdia de Deus foram tão grande que sendo o seu filho a Sua segunda pessoa, ou Ele mesmo, Ele permitiu que uma pecadora por herança de Adão e Eva, gerasse o Seu filho Jesus Aquele que chamamos de Sua segunda pessoa. Ele nos enviou o Seu filho nas condições de um homem comum, sujeito a todos os tipos de sofrimentos, humilhação, e tentação.
O Pai enviou o Seu filho no meio dos pecadores para que Ele nos ensinasse o que era preciso para herdarmos o Reino de Deus, o Seu comportamento era de um homem simples, mas dependente do Deus Pai.
Jesus dependia do Pai somente para que o homem entendesse como levar uma vida em comunhão com Deus.
A alegria do Pai era tão grande que quando Jesus foi batizado por João Batista no Rio Jordão,  Lucas 3 : 22  O Espírito Santo  desceu sobre Ele na forma de uma pomba, e uma voz do céu disse: Você é meu Filho muito amado; sim, o Meu prazer. Neste exato momento em que Jesus foi batizado Ele recebeu o pecado de toda humanidade, ali estava o inicio da sua condenação; porque o preço do pecado é a morte. Mesmo sem pecar assumiu os nossos pecados.  E por esse motivo foi condenado a morte.
Jesus veio como servo, com uma diferença um Servo padrão, mas se olharmos pelo lado Espiritual  podemos entender que esta foi uma forma que Deus usou para que toda a humanidade tivesse a oportunidade de ser salvo da condenação eterna.
Apesar de ser rejeitado por todos, Ele colocou sobre si as nossas dores. Ele mesmo carregou os nossos sofrimentos.
E nós ficamos pensando que Ele estava sendo castigado por Deus por causa de Seus próprios pecados!
Ele foi ferido por causa dos nossos pecados, o Seu corpo foi maltratado, nós andávamos como ovelhas sem pastor! Apesar de todo o sofrimento de Jesus este era o plano perfeito de Deus, e este plano exigia a morte do Seu filho Jesus.
Milhões e milhões de almas são salvas graças ao sofrimento de Jesus, sabemos que Ele foi considerado um pecador mesmo nunca tendo cometido se quer um único pecado.
Até o momento Jesus aparece somente como um servo justo e fiel.
O que muitos não entendem é que Jesus veio ao mundo nas condições de um mortal Para educar mortais a conhecerem a vida eterna.
O maior presente que recebemos foi este, A segunda pessoa de Deus veio ao mundo em forma de uma criança e no ventre de uma mulher.


JESUS É A SEGUNDA PESSOA DE DEUS, O DEUS FILHO.

João 14 : 6-10 Jesus disse:”Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Ninguém pode chegar até o Pai, a não ser por Mim. Se vocês soubessem quem Eu sou, então saberiam quem é o Pai!” Ora se Jesus não é o próprio Deus porque estaria dizendo esta palavras aos seus discípulos.
O versículo 8 Filipe disse: “Senhor, mostre-nos o Pai, e ficaremos satisfeitos.” Jesus respondeu: “Você nem sabe ainda quem sou eu, Filipe, mesmo depois de todo este tempo que tenho estado com você?” Qualquer um que me viu, viu o Pai! Portanto, como está pedindo para ver meu Pai? Você não crê que Eu estou no Pai e o Pai esta em Mim?
As palavras que Eu digo não são propriamente minhas, mas do Pai que vive em  Mim. E Ele faz a Sua obra por meu intermédio. Quando Jesus disse que todo o poder foi me dado no céus e na terra podemos entender que Deus o entregou tudo sobe a Sua responsabilidade. I Samuel 2 : 6  O Senhor mata, O Senhor dá a vida isso é Jeová , e Jesus disse Eu sou o caminho a verdade e a vida. Jeová alimentou o povo no deserto, Jesus é o pão da vida, Jeová deu água ao Seu povo no deserto e eles tiveram sede novamente Jesus é a água da vida quem bebe nunca mais terá sede.
Jeová condenou e matou milhares por não cumprirem a suas Leis, Jesus perdoou a todos. se Jesus não é o próprio Deus porque todo o joelho se dobrará e confessara que Ele é o Senhor, se Jeová disse que Sua glória não dará a outro, Mas Jesus tem todo o poder no céu e na terra e quem tem poder é somente Deus.
Jesus no meio dos pecadores realmente não agiu como Deus e sim como servo, mas após a ressurreição Ele assume o seu trono de Senhor dos Senhores Reis dos Reis. O inicio e O fim. Isso nos prova que Jesus no céu junto ao Pai é Deus.
Eu creio que Deus na sua misericórdia fez o milagre de pegar a Sua segunda pessoa e colocar no ventre de uma mulher para que ela gerasse uma criança, mas era a segunda pessoa do próprio Deus,  para que a humanidade pudesse entender Deus Pai entregou
Todas a responsabilidades e poder, o Pai entregou nas mãos do Filho após cumprir o que o Pai lhe ordenou.
Este foi o perfeito plano de Deus para salvar a todos que quiserem ser salvos.
João 1:1-4 Antes de existir qualquer coisa, Cristo já existia, e estava com Deus. Ele sempre esteve vivo e Ele é mesmo Deus. Ele criou tudo que há - Não existe nada que Ele não tenha feito. Nele estava a vida eterna, e esta vida traz luz a toda humanidade. A vida Dele é a luz que brilha no meio da escuridão, e nunca pode ser apagada pela escuridão. Versículo 10 Embora Ele tenha feito o mundo não foi reconhecido pelo mundo, quando veio. Jesus é ou não é o próprio Deus. João 8 : 58 Disse-lhes Jesus: “A pura verdade é que Eu Já existia antes de Abraão nascer!”
Apenas precisamos entender que Jesus, veio ao mundo como homem que sofre que luta para sobreviver, Ele não podia agir como Deus, porque Ele veio para ensinar

Editado por José Simião.

 03/02/2012