quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

QUEM TEM OUVIDOS OUÇA



Apocalipse 2 : 7- 11-17 leia também 3 : 6-13-22
Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas há uma grande preocupação da parte do Senhor para que às igrejas ouça a voz  do Seu Espírito.
Deus em Sua soberania já sabia que com a evolução da humanidade a Sua igreja tomaria a direções que a tornaria uma igreja com maculas, uma igreja contaminada.
A impressão que temos a respeito das igrejas de hoje parece que entenderam que Jesus disse:  “ bem aventurado os que não leem a palavra e aqueles que não ouvem as palavras desta profecia.” As cartas dos apóstolos nos deixa claro como devemos nos comportar como cristão,  mas   nenhuma igreja  quer avaliar a si mesma.
O mau da igreja esta em aceitar ensinamentos paralelos e não a sã doutrina as quais o Espírito Santo instruiu aos apóstolos de Jesus.
A decadência espiritual da maioria das igrejas esta em não aceitar nenhum tipo de mecanismo  de auto purificação, o conceito deles é “o importante é servir a Deus.”
Existem regras para servir a Deus, não podemos servi-lo de uma forma que facilite para que todos venham para o templo, não se serve a Deus esperando somente momentos de alegria.
Ser vir a Deus seguindo os ensinamentos do Espírito não é tão simples como aprendemos com os nossos mestres.
A visão do Espírito Santo é uma igreja sem macula, a do homem é uma igreja com milhares de membros, não dando importância a qualidade da igreja.
O FIM DA IGREJA
Foram necessários muitos séculos para que a igreja atingisse os lugares mais distantes do planeta. Isso já foi conseguido, agora estamos vivendo a era do fim da igreja.
É claro que podemos ver dezenas de templos sendo construídos todos os dias, mas não com o objetivo de abrigar um povo santo e sim por interesse de seus lideres.
O objetivo destes homens que supostamente dizem serem ministros de Deus não passa de fachada, o que eles querem é um templo enorme e que gere milhões em reais, ou dólares.
A razão pela qual o Senhor roga varias vezes para que a igreja ouça o que o Espírito esta dizendo é clara; é a igreja se igualando aos costumes mundanos para facilitar o engajamento daqueles que não querem um compromisso com Deus.
Muitas  igrejas estão procurando ensinar o evangelho de uma forma que não exija santidade, seria as igrejas do evangelho liberal; algo do tipo: sirvo a Deus como posso;.  Ele conhece as minhas fraquezas.
Si o Deus a quem eu sirvo diz que é santo como pode Ele me aceitar em Seu reino sendo ainda um escravo do pecado, Si próprio Deus Pai ignorar a morte de Seu filho Jesus concordando com os nossos pecados este não é o Deus santo, o todo poderoso.
Imaginem um céu com crentes de vários graus, chegar-mos-ia no céu e Jesus nos mostraria: Olha aqui fica os crentes de nível um, são os que realmente deram tudo de suas vida por mim, então caminharíamos  mais um pouco e novamente Jesus nos apresentava os crentes do nível  dois e dizia Ele com suave voz: estes são aqueles, me serviram  mas estavam com os pés no mundo, e nova mente Jesus  nos mostraria mais um nível de crentes aqueles que mentia roubava o povo os enganado com falsas promessas.
Bem  o pior de tudo e os coitados que foram sinceros com Jesus, vão estar  no mesmo lugar, adorando o mesmo Deus, o Deus santo e justo.
 Grande é a tolice de quem acredita que Deus vai aceitar lixo em Seu reino.
Apocalipse 21 : 7-8 Todo aquele que vencer  herdará  todas estas bênçãos, e Eu serei o seu Deus e ele será o meu filho. Mas os covardes que deixaram de me seguir e voltaram ao pecado, e aqueles que me são infiéis, e os corruptos, e os assassinos, e os imorais, e aqueles que convivem com demônios, e os adoradores de ídolos e todos os mentirosos - o destino deles é no lago que queima com fogo e enxofre. Esta é a segunda morte.
Aqueles que taparem os seus olhos para as imundices do mundo, e forem fieis a Jesus até o fim serão vencedores
Em uma corrida o atleta tem um percurso a fazer, mas se ele cortar caminho saindo do percurso que lhe foi estipulado;  ele será desclassificado.
O que o Espírito diz: é que existem regras para ser um servo de Deus, mas para ser crente não.
Avaliando a mim mesmo pude perceber que diante da santidade de Deus, não passo de um verme, mentiroso.
Eu sinto que tenho que mudar preciso deixar de ser crente e passar a ser servo de Deus,  lembrando que servo é para servir e não para ser servido como temos aprendido.
Algo que poucas igrejas têm percebido é que temos imitado mais o mundo do que a Cristo conforme os apóstolos de Jesus nos ensinaram em suas cartas.
Nos dias de hoje se uma igreja se atrevesse a cumprir todos os ensinamentos dos apóstolos ela seria a menor igreja, a mais chata, a igreja dos primitivos.
Quando alguém quer ouvir o que o Espírito tem a dizer a igreja, este é considerado fanático metido.
Muitas igrejas se dessem ouvidos ao que o Espírito quer dizer a ela, Jesus faria milagres, grande milagres, sem precisar fazer berreiros como se Jesus fosse surdo.
Quantos crentes estão enfermos e vão morrem pela enfermidade porque os seus lideres não ouvem o que o Espírito tem a dizer. Quantos ainda não crentes estão  próximo ao leito da morte e ninguém tem autoridade para curá-lo em nome de Jesus, talvez se alguém pudesse sarar ar sua enfermidade este poderia ganhar nova vida , e salvar a sua alma ,  mas   não ouvem o que o Espírito tem a dizer, então morrem duas vezes.
Uma frase muito bonita  dita pelo apóstolo Pedro,  é uma frase impossível de ouvir nos dias de hoje pelos nosso apóstolos   milionários. Atos 3 : 6    Mas Pedro disse:  “ Não temos dinheiro nenhum para você, mas eu vou dar outra coisa!  Vamos dar uma pausa  e imaginar o que se passou na cabeça do mendigo naquela hora, será que eles vão me dar uma nova túnica, ou um par de sandálias, comida ,  o que será que eles vão me dar?  Mas para a surpresa do homem paralítico Pedro o surpreendeu com estas palavras Em nome de Jesus Cristo de Nazaré , eu digo: ANDE!”  Ande porque não possuímos  prata nem ouro, não temos nada de riqueza material, mas somos milionários do poder do Espírito Santo de Deus.
Sabem por que Jesus fazia milagres quando os apóstolos oravam?  “Eles ouviam o que o Espírito tinha a dizer.”
A soberba mata a alma, Cega a visão espiritual, causa surdez então não podemos ouvir o que o Espírito quer nos dizer.
Seja fiel até a morte, até o seu ultimo dia de vida como mortal então Jesus será fiel até o fim,  até o dia da Sua vinda.
 Nunca tape os ouvido para o Espírito Santo, mas saiba também que nem tudo que sai da boca do homem provem do Espírito de Deus.

Mais uma vez quero agradecer a todos, quero também pedir desculpas a todos vocês leitores. Tirei uns dias para descansar, mas estou de volta.
Que Jesus Cristo possa renovar a vida de cada um de nós.

Editado por José Simião.
11/12/2012

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

É CORRETO QUEBRAR IMAGENS DE SANTOS?



Se você acha correto quebrar as imagens de santos de pessoas recém convertidas, você não está agindo pelo Espírito Santo e sim pela carne. Quebrar imagem de santo não ajuda a ninguém se libertar da idolatria.
Quando um pastor ou apóstolo quebra os ídolos de alguém está simplesmente tomando o lugar do Espírito Santo, se uma pessoa realmente se converteu a Jesus o próprio Espírito tocará em seu coração, e ela mesma descobrirá como se libertar da idolatria.
Se a mesma me mandar quebrar seus ídolos isso prova que o seu coração ainda está preso nos ídolos, ela não quebra porque teme que algo de mal que possa lhe acontecer, ou algum castigo.
Quem nos faz converter a Jesus é o Espírito Santo e não os quebradores de imagens. Quem age pelo Espírito age com sabedoria, não demonstra violência e sim demonstra o amor de Jesus, em seus gestos e em suas palavras.
Quebrar santos, ou ídolos é um ato de violência contra a crença do próximo, é querer transformar a mente de uma pessoa instantaneamente, isso não é o papel do homem pecador e sim do Espírito Santo de Deus.
Os discípulos de Jesus não foram transformados do dia para noite, foi preciso que Jesus tivesse muito amor e paciência com cada um deles, porque somos diferente uns dos outros cada um tem uma forma de agir e de pensar.
Muitos deixam de aceitar a Jesus porque o evangelista não demonstra o amor de Jesus, age segundo a carne, e agir pela carne resulta em violência, zombaria, descrença.
O recém convertido deve ser educado pela palavra e não pelo que eu penso ou eu acho, o que eu penso é da carne, mas se o que eu falo está na palavra isso vem do Espírito Santo.
Eu tenho visto na internet líder evangélico quebrando imagens usadas no catolicismo, outros colocam fogo, isso para mim é idiotice, considero também um ato de humilhação aos que acreditam.
Jesus não nos ensinou a praticar a violência, imagine quando você estiver distribuindo os seus panfletos com mensagem da salvação, então ao entregar o seu panfleto para alguém este pega o isqueiro e põe fogo bem na sua frente; você vai se sentir humilhado.
Para obter uma boa colheita é preciso preparar o terreno, infelizmente muitos agricultores não sabem preparar a terra, eles jogam a semente de qualquer jeito, e na hora de irrigar ao invés de jogar água; joga acido e mata a semente.
Eu só creio no poder de Jesus Cristo o Filho de Deus, mas outro dia eu vi na internet um cidadão batendo na imagem de Nossa Senhora Aparecida, eu não sei o que ele queria provar com aquilo, se era para mostrar que ela não tem poder, ou se ela iria reagir, mas eu entendi   que ele era um incompetente para evangelizar, e mais a sua mensagem somente propagou ódio, ele teve a capacidade de mostrar ao mundo que nós evangélicos somos egoístas, incompreensivos, fanáticos por religião e não por Cristo.

O BOM REPRESENTANTE DE JESUS.

Imagine que você seja um vendedor de um excelente produto, então você entra na casa de um futuro cliente e pergunta para ele: qual produto você usa? Então ele pega o produto que sempre usa e mostra para você, então você começa a desfazer do produto que ele usa, da risadas, pega joga no chão e pisa e diz para ele: este produto é uma porcaria isso não presta.
Agindo assim você não é um bom vendedor, o bom vendedor mostra a boa qualidade de seu produto, o tempo de durabilidade, ele também mostra outros que já compraram e estão satisfeitos, garantia suporte técnico, o bom vendedor prova para o futuro cliente que o seu produto é de qualidade superior sem ofender aos consumidores de seu concorrente.
O evangelho também deve ser divulgado desta forma, sem ofender a crença dos nossos semelhantes, mas devemos provar de uma forma educada e carinhosa que Jesus faz a diferença.
Se formos representantes de Jesus ser agressivo verbalmente, ou mesmo agindo de forma ofensiva isso não demonstra o amor de Cristo em nosso coração.
Não somos conquistadores de almas, somos apenas semeadores da palavra; que muitas vezes o resultado é negativo porque agimos segundo a carne.
Quem nos converte a Jesus como o nosso salvador é o Espírito santo, nós semeamos e Ele da o crescimento espiritual.
Muitos crentes pensam que ser idolatra é somente os que adoram imagens de gesso ou de qualquer material, ai está um grande engano.
Será que nós também não somos idolatras? Será que não idolatramos os nossos filhos, ou a esposa, casa, carro, aquele atleta, ou aquela fazenda que possuímos, ou quem  sabe você idólatra a sua própria imagem na mídia.
Existem muitos idolatras que não tem imagens de gesso ou de barro, mas o seu ídolo é o dinheiro, seus gados.
Quando deixamos de enxergar os nossos ídolos e passamos a enxergamos somente o dos outros; isso é prova que Deus está distante de nós.
Antes de reprovar á idolatria verifique primeiro qual é o seu ídolo, descubra onde o seu coração está preso.
Você se lembra do jovem rico que não pode seguir a Jesus? O ídolo dele era a riqueza.
  Mateus 19: 16 – 30
Existem milhares de lideres evangélicos que são idolatras de seus bens materiais.

 Editado por José Simião.
08/11/2012

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

JESUS, O FILHO DE MARIA



Muitos protestantes vêem o papel mínimo de Maria dentro do cristianismo, ai há um grande engano, ela foi á mulher que agradou o coração de Deus, Ele a escolheu como a mãe de Seu filho. No meio de tantas outras jovens ela foi à única que Deus viu graça. Maria foi vista aos olhos de Deus como uma mulher perfeita para o Seu plano, o mundo fala muito sobre a virgindade de Maria, ser virgem era muito importante para Deus porque Deus é Santo,  Jesus sempre existiu, mas agora  tornaria um feto humano dentro do ventre de Maria, ( Obra do Espírito Santo)  Ele já existia desde a criação do mundo  João 8 : 57 -58 mas a história nos conta que Maria era fiel ao Senhor nosso Deus. Deus deu a ela o privilégio de carregar em seu ventre; Jesus; o Seu filho. Hoje ainda existem milhões de jovens virgens, mas o coração com o impuro, boca que proferem palavras imorais, Muitas não tem compromisso com Deus. São virgens, mas impuras de coração. Jesus não foi gerado através da fecundação humana, mas sim pelo Espírito Santo, Deus apenas usou o ventre de Maria para gerar o Seu filho; Jesus.  Maria foi apenas como poderíamos dizer hoje uma barriga de aluguel, mas com um grande privilégio, foi usada pelo Espírito Santo de Deus, para fazer a obra de Deus. A mãe de Jesus como uma serva fiel sabia que não podia contar com a presença Dele dentro do lar todos os dias, essa é uma das razões em que encontramos poucas informações na bíblia sobre o relacionamento Dele e Sua família. A missão de Jesus não lhe permitia ter uma ligação amorosa igual a nós os pecadores com a sua mãe, porque Ele obedecia ao Pai que está no céu, Ele sempre dizia: Eu faço a vontade daquele que me enviou. Para Jesus não havia privilégio para o seu padrasto José, ou sua mãe; todos eram iguais, a Sua mãe era especial para Ele, Pedro também, João, Tiago, qualquer um que fizesse a vontade de Deus fazia parte de Sua família. Isso não quer dizer que Ele estava desprezando a Sua mãe, ou o Seu padrasto José. O que precisamos entender é; que Jesus não foi gerado de uma relação sexual de um casal, e sim pelo Espírito Santo. O objetivo de Jesus não era viver em um lar, como nós vivemos juntos com os nossos pais, e sim fazer a vontade daquele que o enviou. A família de Jesus são todos os que fazem a Sua vontade, ou melhor, os que amam e obedecem ao Pai e ao Filho. Certa vez Jesus estava falando para a multidão, e um de seus discípulos disse-lhe: Sua  mãe e Seus irmãos querem vê-lo, Ele olhou para a multidão e disse: Minha mãe e meus irmãos são todos que estão aqui me ouvindo, isso não foi uma palavra de desprezo a Maria, nem aos Seus irmão Ele apenas estava dizendo que não amava apenas a meia dúzia de pessoas, e sim a todos que ouvia as Suas palavras. Ele não podia ser apegado aos Seus pais, porque o compromisso Dele era com o Pai que está no céu. Ele não veio ao mundo para ter uma única família e sim uma grande família, nem veio para ter uma residência fixa, podemos encontrar na bíblia Jesus comendo com os fariseus, com os seus discípulos, mas nunca na casa de Seus pais. Maria conhecia a autoridade de Jesus, ela o respeitava porque era uma serva do Deus altíssimo, ela sabia que Ele era o Senhor. O que eu acho mais interessante é que Jesus nuca se apresentou a ninguém como filho de José e Maria e sim como o filho de Deus, mas isso não é ofensa aos Seus pais e sim uma ordem de Deus, porque Ele somente fazia aquilo que o Pai mandava. Certa vez Jesus e Seus discípulos foram convidados para uma festa de casamento em Cana da Galiléia, inclusive a Sua mãe, Maria foi uma das convidadas. Naquela época a bebida oferecida nas grandes festas era o vinho, de preferência de boa qualidade, mas naquela festa algo desagradável aconteceu, o vinho acabou, imagine nos dias de hoje uma festa sem a coca cola sem a cerveja, bem hoje seria fácil, bares e mercados podem encontrar em todos os lugares, mas naquela época vinho não era tão simples de encontrar, e o pior; vinho para reabastecer uma festa de casamento, que provavelmente havia centenas de convidados. Então Maria leva a noticia até Jesus, ela diz a Ele: “Senhor o vinho acabou”, ora ela era a mãe de Jesus porque chamá-lo de Senhor? Sendo que ela poderia dizer: Meu filho o vinho acabou, mas o que tem haver Jesus com vinho Ele não plantava uvas, nem produzia vinhos, e porque Maria disse-lhe que o vinho havia acabado se Jesus não havia feito nenhum milagre para que ela pudesse ter tanta certeza que Ele resolveria o problema. Ao ouvir o que Maria disse-lhe, Ele a responde de uma forma meio estranha: o que tenho Eu contigo mulher; ainda não é chegada á minha hora. Uma maneira estranha de um filho tratar a sua mãe, parece nos dar a entender que ela apesar de ser Sua mãe não podia interferir em suas decisões. E realmente Jesus não podia obedecer a nenhum mortal, mesmo sendo Seus pais, somente ao Pai que está no céu. Ele não era filho do homem pecador; e sim de Deus. Mesmo tendo gerado o filho de Deus ela foi tão humilde a ponto de chamar Jesus que ela mesma o carregou em seu ventre de Senhor, ela sabia que Jesus iria fazer o milagre do vinho, e que para Ele nada era impossível, ela também sabia que Ele havia vindo para mudar a história da humanidade, para resgatar os que estavam perdidos. Então Jesus diz a ela: mande que encham os jarros com água, sabendo ela que o milagre iria acontecer ela diz aos serventes da festa façam o que Ele mandar, então o milagre acontece á água é transformada em vinho, e para o espanto dos que serviam o vinho puderam ouvir dos convidados que o vinho era da melhor qualidade. A grande questão deste texto não é se o vinho era bom ou ruim, e sim a água ser transformada em vinho, a obediência de Maria a Jesus, esquecendo ela que Ele era o seu filho ela passa a vê-lo como Senhor, e o mais interessante que ela se coloca na posição de serva. Ela ordena seguramente aos serviçais que façam exatamente como Ele estava pedindo, O que Maria nos ensinou é que não basta ter Jesus ao lado, mas é preciso colocar a fé em prática. Ela poderia questioná-lo com as seguintes perguntas, Você; vai transformar água em vinho essa é boa, isso não vai dar certo, os serviçais também poderiam dizer: vamos cair fora porque vamos apanhar. Ninguém colocou duvidas sobre as ordens que Jesus passou para a Sua mãe, todos obedeceram e o milagre aconteceu. Eu não digo adoração, mas ela merece todo o nosso respeito porque ela gerou o filho de Deus, aquele que recebeu todo o poder, assim também todos os apóstolos devem ser respeitados, mas não adorados como intercessores entre nós e Deus. A bíblia não afirma em nenhum de seus livros, que devemos dobrar os nossos joelhos diante de deuses, ídolos, ou qualquer um que esteja abaixo do Pai e do Filho, do Espírito Santo. Nem mesmo os discípulos de Jesus que receberam  Dele e do Espírito Santo  o poder cura, de expulsar demônios, e outros mais dons, mesmo assim soberano; é somente Jesus. Quem nos liga a Jesus é o Espírito Santo é ele que pode interceder por nós através de nossas orações ele intercede com gemidos inexprimíveis Romanos 8 : 26 Eu creio em Jesus como a única solução para mudar o pensamento do ser humano, Ele é o único que pode nos tirar das trevas, sem Ele é impossível alcançar o perdão, a salvação.Você pode venerar qualquer um dos apóstolos, ou qualquer outro ídolo, mas somente Jesus possui a chave do Reino eterno.
JESUS É ÚNICO.
Jesus não derramou o Seu sangue na cruz para que outros tomem a Sua glória, em nenhum dos evangelhos Ele disse que Pedro ou Tiago ou mesmo a Sua mãe pode nos conduzir aos céus, mas Ele disse: Eu sou o caminho a verdade e a vida ninguém pode chegar até o Pai, a não ser por mim. João 14 : 6
Não basta ouvir as leituras da bíblia que sai da boca de outros, mas é preciso que você leia também para que não fique vagueando como folha seca ao vento.
Em Atos 4 : 12 o apóstolo Pedro que transbordava do Espírito Santo de Deus disse: Não há salvação em NENHUM OUTRO MAIS! Debaixo do céu inteiro não existe nenhum outro NOME para os homens chamarem a fim de serem salvos.
Hoje não precisamos mais de intercessor para que os nossos pecados sejam perdoados, nem os vivos, nem os que já morreram podem substituir o Espírito Santo ou interceder por nós. O povo Hebreu precisava de sacerdotes que oferecia as ofertas de sacrifício para que Deus perdoasse o pecado deles.
Jesus foi oferecido por Deus Pai como o cordeiro que tira o pecado do mundo, Assim disse:  João Batista: Eis o cordeiro de Deus que tira o peado do mundo. João 1 : 29 Ele substituiu o cordeiro animal, e com a Sua ressurreição Ele passou a ser o nosso Sacerdote Supremo.
Hebreu 4 : 14 Mas Jesus,  o Filho de Deus,  é o nosso grande Supremo Sacerdote que foi diretamente para o céu, a fim de nos ajudar; portanto não deixemos nunca de confiar Nele.
Nenhum outro pode ser a luz do mundo, disse Jesus no templo em Jerusalém: (Eu sou a luz do mundo) João 8 : 12. Ninguém pode rogar por nós perante Deus Pai ou Deus filho, a não ser o próprio Espírito Santo.
 Fale você mesmo com Jesus, Deus nos deu essa liberdade, não desvalorize o precioso sangue de Jesus que foi derramado na cruz.
Se formos humildes, se formos fieis, Ele estará sempre pronto para nos ouvir.

Editado por José Simião.
26/10/2012

domingo, 21 de outubro de 2012

A NOIVA DE CRISTO


Mateus 25:1-13

“ENTÃO o reino dos céus será semelhante a dez jovens virgens que, apanhando as suas lamparinas, saíram ao encontro do noivo. E cinco delas eram prudentes, e cinco loucas. As loucas, tomando as suas lamparinas, não levaram azeite reserva consigo. Mas as prudentes encheram de azeite as suas lamparinas, pois não sabia qual seria o tempo que o Noivo demoraria a chegar. E, tardando o noivo, o cansaço as fez toscanejar, e adormeceram. Mas à meia-noite ouviu-se um alvoroço: Aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro. Então todas aquelas jovens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas. E as loucas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lamparinas se apagam. Mas as prudentes responderam, dizendo: Não seja caso que nos falte a nós e a vós, ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós. E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o Noivo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta. E depois chegaram também as outras jovens que foram abastecer suas lamparinas, e disseram: Senhor, Senhor, abre-nos. E ele, respondendo, disse: Em verdade vos digo que não as conheço. Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir. O evangelho de Mateus neste texto nos relata a Parábola das dez virgens. As virgens representam todos os crentes em Jesus. O que significa que, na igreja, há dois tipos de crentes: O Prudente e o Néscio; o vitorioso e o derrotado. O que separa este dois tipos de crentes, e a prudência= a vitória, imprudência= derrota. É que, além da lamparina, ele tem azeite sobrando ou está preparado, vigiando. O louco e o crente despreparado não são guiados pelo Espírito Santo.
Muitos são crentes, mas não com o objetivo de ter um santo relacionamento com Deus, e sim por alguns motivos pessoais, amizade, namorada, falta do que fazer, frequentar o templo é apenas uma forma de passar o tempo.
O crente prudente está sempre a espera de Jesus, ele sabe que a morte pode chegar antes, por isso ele está sempre vigiando.
A bíblia nos conta que todas eram virgens, ou todas era a igreja de Cristo, mas está não é questão principal desta parábola. A questão principal era dois tipos de igrejas preparada, e despreparada para encontrar com Jesus. O objetivo de Jesus era mostrar para os seus discípulos, e para nós que o tempo de Deus não é o mesmo tempo do homem.
Podemos prever se vai chover o não, se vai fazer frio ou calor, mas a vinda súbita de Jesus será uma grande surpresa para muitos crentes.
Apesar de Jesus ter recebido todo o poder nem Ele mesmo sabe qual será o dia em que o Pai lhe dará ordens para levar os Teus escolhidos.
Quando não damos espaço para o Espírito santo em nossa vida deixamos de acreditar que Jesus pode vir a qualquer momento, nos esquecemos que a nossa vida é semelhante a uma vela acesa, e derrepente uma pequena corrente de vento passa e ela se apaga.
Assim é a nossa vida, um jovem estava prestes para se casar já havia comprado todos os moveis, e no próximo mês iria realizar o sonho dele e de sua noiva, mas a morte não manda recado, ele estava dirigindo o seu automóvel pela rodovia em direção ao seu trabalho e havia uma enorme fila de caminhões vindo de sua direção oposta, e derrepente de traz de uma carreta surgiu um automóvel na pista a qual ele estava dirigindo e bateu de frente em seu carro, e ali foi o fim dos sonhos daquele jovem, e de sua noiva.
Não sabemos a que dia e hora Jesus virá, nem tão pouco qual é o nosso tempo de vida mesmo que tenhamos a melhor saúde.
O cristão prudente tem azeite de sobra em sua lamparina, ou melhor; ele está cheio do Espírito Santo, renuncia os prazeres da carne, porque tem um compromisso com Deus.
Não devemos ser apenas conhecidos de Jesus, e sim amigos, Ele disse em João 15 : 14 que seriamos  seus amigos se fizéssemos aquilo que Ele nos ordenou.
Lamparinas cheias de azeite Espírito Santo presente, desejo de ganhar almas, estar atento, não deixe para encher de azeite a sua lamparina na ultima hora.
As virgens prudentes não emprestaram azeite para as néscias porque as néscias deveriam estar preparadas como as prudentes, isso também nos ensina que cada um é responsável por si mesmo diante de Jesus. Nós não sabemos quem realmente está pronto para encontrar se com Jesus.
Nem todos que falam de Jesus é de Jesus, assim também nem todos que estão dentro do templo estão preparados para o arrebatamento.

JESUS VIRÁ BUSCAR DA IGREJA PURA

Uma igreja que não seja moldada segundo o desejo do coração do homem pecador, uma igreja que tenha como objetivo ganhar almas para Jesus, que ensine os crentes a sobreviverem sem participar das coisas pecaminosas.
A igreja de Cristo é aquela que prega a salvação, e que através dos crentes que tem um serio compromisso com Deus Ele opera maravilhas.
Jesus não fundou uma igreja que agradasse aos fariseus e sim uma igreja que honrasse o nome do Pai, uma igreja que pudesse diferenciar o crente do mundo, existia um grande paredão entre a igreja de Jesus e o mundo, mas muitas denominações modernas estão demolindo o muro e se ajuntado, não há preocupação com a qualidade do crente e sim com a quantidade.
Estamos com milhares de igrejas caminhando em direção a morte, crentes desorientados, pregadores que não dão importância no evangelho da salvação, são instruídos pelos seus presidentes a pregar somente promessas para atrair multidões.
A igreja de hoje que está esperando por Jesus, fala mais de si mesma do que da salvação, ouvimos três minutos de pregação o resto são cenas de pessoas que estão a espera de um milagre, ou que está em busca de conseguir algo material, vendas de livros, CDS, e as campanhas para arrecadar milhões, pastores e apóstolos ridicularizando o irmão em Cristo, brigam por inveja, está é a igreja que vai subir.
Ainda bem que muitas igrejas são de Jesus, e tem compromisso com Ele, a igreja que vai subir é diferente das demais, ela não se contamina, ela é escolhida por Deus Pai.
Efésios 5 : 1 - 7 Sigam o exemplo de Deus em tudo quanto fizerem. De tal como uma criança muito amada imita seu pai. Sejam cheios de amor pelos outros, seguindo o exemplo de Cristo, que amou vocês e Se entregou a Deus como sacrifício a fim de tirar os seus pecados. E Deus ficou satisfeito, porque o amor de Cristo por vocês foi para Ele como suave perfume.
Que não haja pecado sexual, impureza ou ganância entre vocês. Que ninguém seja capaz de acusá-los de qualquer dessas coisas. As histórias sujas, a conversa indecente e as brincadeiras inconvenientes - estas coisas não são para vocês. Ao invés disso, relembrem uns aos outros a bondade de Deus, e sejam agradecidos.
Olhem o versículo 5 o que nos diz: PODEM ESTAR CERTOS: O REINO CRISTO E DE DEUS NUNCA SERÁ DE NINGUÉM QUE SEJA IMPURO OU GANANCIOSO-POIS UMA PESSOA GANANCIOSA  NA REALIDADE É UMA IDOLATRA: AMA E ADORA AS COISAS BOAS DESTA VIDA MAIS DO QUE A DEUS. NÃO SE DEIXE ENGANAR POR AQUELES QUE PROCURAM JUSTIFICAR ESTES PECADOS, PORQUE A TERRÍVEL IRÁ DE DEUS ESTÁ SOBRE TODOS AQUELES QUE OS PRATICAM.
Desculpem-me pela frase que irei usar: estes versículos e como um coice de mula na testa de muitos crentes pilantra.
Versículo 7 do mesmo capitulo nos adverte: Não andem nem mesmo na companhia  de tais pessoas, e os templos estão cheio de crentes que adoram estes homens dentro de seus templos a atração não é Jesus e sim eles, será esta a igreja que vai subir?
Se não é nem para andar com pessoa que cometem estes pecados, quanto mais ser doutrinados por elas.
A igreja que vai subir não se ilude com as coisas deste mundo, a prioridade dela é unicamente conduzir almas para Jesus Cristo.
A igreja que vai subir não copia o mundo para atraí-lo, mas elas matem-se dentro da sã doutrina para saber a diferença do certo e do errado, ela sabe o que agrada a Deus.
Onde há compromisso com Deus o pecado não prevalece, e onde o pecado prevalece Deus está distante.
Multidões nem sempre significa que Deus está presente, muitas vezes é apenas a fama do homem pecador.
Milagres e curas, o candomblé, o espiritismo, os falsos deuses, o próprio Satanás faz milagres ele cura faz os seus seguidores prosperarem na vida, é claro que o preço é a condenação eterna, mas o mundo não está preocupado com isso eles somente enxergam o presente e que se dane o futuro.
Muitos pregam a palavra e fazem milagres, mas são mensageiro do diabo o objetivo deles não é salvar almas e sim prometer para os seus seguidores uma vida mansa, exatamente o oposto que Jesus nos prometeu, essa historia que sendo o pai rico, o filho tem que ser rico não encaixa na vida espiritual, está não é a igreja que vai subir.
Meu muito obrigado, fiquem na paz de Cristo e tenham uma ótima semana.  

Editado por José Simião.
21/10/2012

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

TOTAL CONFIANÇA EM JESUS



Todos nós que cremos no poder de Jesus, dizemos que tudo Ele pode, nada é impossível para que Ele realize, mas quando vêm ‘as’ tempestades ficamos apavorados e inseguros.
Muitas vezes Deus permite que passemos por turbulências; para testar a fé de Seus verdadeiros servos, eu digo verdadeiros servos porque Ele não testa servo infiel.
Alguns crentes levam uma vida azarada e dizem: Deus está me testando, na verdade para que Ele nos teste é preciso que sejamos realmente servos; e que dependa unicamente Dele.
Vivemos em um mundo com tantas tecnologias avançadas, que muitos acreditam mais na ciência do que no poder de Jesus, é claro que não podemos abandonar a ciência porque dependemos dela também.
No passado as pessoas dependiam mais de Deus porque a ciência era fraca, hoje temos a  facilidade de ser curado de milhares de enfermidade por causa da evolução da ciência e da medicina.
Na época em que Jesus ensinava aos Seus discípulos, muito o procuravam para serem curados de enfermidades que hoje podem ser curadas facilmente através da ciência medica, mas muita enfermidade que Ele curou a medicina ainda não tem solução, sendo que algumas são impossíveis obter a cura total.
Existia uma mulher na época em que Jesus cumpria a Sua missão que estava com hemorragia, que hoje pode ser curada facilmente, mas naquela época dependia apenas da fé, de um milagre.
Marcos 5 : 25 
 Entre a multidão estava uma mulher que sofria durante doze anos de uma hemorragia. Nos dias de hoje com o avanço da medicina não precisamos correr atrás de milagres para ser curado de uma hemorragia, muito menos da antiga lepra conhecida nos dias de hoje como hanseníase.
Mas aquela mulher não tinha os mesmos recursos que temos hoje, ela precisava de um milagre, mas existia outro problema pela lei judaica uma mulher quando estava em seu período menstrual era considerada imunda. Agora imagine esta mulher com um sangramento contante. As mulheres sofriam descriminações fisiológicas, eram consideradas impuras nos dias menstruais. Nesse período, a mulher não só ficava impura, mas tornava impuro tudo o que tocasse. Após o parto permanecia impura por quarenta dias se a criança fosse do sexo masculino e o dobro do tempo se fosse do sexo feminino.
Após dar à luz, era obrigada a oferecer um sacrifício no templo para serem purificadas Lucas 2 : 22 Leia também Levitícos  12 : 1 – 8.
Podemos entender as dificuldades  da mulher que queria que Jesus a curasse, havia várias barreiras para impedi-la de chegar próximo a Jesus.
Pela Lei de Jeová, e não de Moisés que a tornou impura, o preconceito do povo Judeu que pela Lei de Jeová as mulheres só serviam para servir o marido, e gerar filhos de preferência do sexo masculino, para satisfazer a Jeová, e o orgulho do pai.
Apesar de tudo isso, aquela mulher tinha uma fé esplendida ela pensava consigo mesmo: se eu apenas tocar nas vestes de Jesus eu serei curada.
Essa mulher deve ter caminhado com um pano no rosto para não ser reconhecida pelo povo, porque sabia que se fosse vista seria motivo de escândalo, de humilhação, mas ela consegue chegar ao lado de Jesus e tocar em Suas vestes, e em seguida percebe que recebeu o que mais desejava; a cura.
Jesus conhecia o pensamento e o desejo de cada coração, então Ele pergunta para a multidão: “quem tocou na Minha roupa?” Ora no meio de uma multidão alguém que é o centro da atração perguntar quem Me tocou seria uma pergunta sem lógica, hilariante, mas havia uma razão pela qual Jesus pergunta quem O tocou; a fé daquela mulher enferma e sendo ela vitima de descriminação por isso tentava não ser reconhecida. A bondade e o poder de Jesus são tão grandes que Ele percebe que saiu poder curativo Dele.
Aquela mulher tinha total confiança em Jesus, ela tinha certeza que não era necessário falar com Jesus naquele momento por causa da sua situação, mas bastava ter fé.
Mas Jesus insistia em saber que havia tocado Nele, é claro que Ele sabia quem foi, mas estava  esperando que a mulher confessasse que havia sido ela, no versículo 33 – 34 do Cap 5 do evangelho de Marcos; a mulher confessa que foi ela.
Então a mulher, amedrontada e tremendo ao compreender o que havia acontecido a ela, veio, caiu aos pés Dele e contou-Lhe o que havia feito. Jesus disse a ela: “Filha, as sua fé fez você ficar boa; vá em paz, curada da sua doença”.
Se fôssemos nós os apóstolos de hoje, a primeira coisa que diríamos: vejam vocês aqui os milagres acontecem, colocaríamos anúncios na TV nos jornais, revistas com a seguinte frase: venham para a nossa igreja receber a sua cura, somos amantes de nós mesmos.
Para ter total confiança em Jesus, é preciso acreditar que não existe uma segunda alternativa.
Total confiança em Deus não é esperar que Ele haja na hora em que queremos, não é orar com palavras repetitivas sempre cobrando a Ele o mesmo problema.  A oração do Pai nosso nos ensina que a vontade deve ser de Deus, e não a nossa.
Deus que estai nas alturas, Santificado seja o Teu nome, vem a nós o Teu Reino para que possamos divulgar a Sua misericórdia, a Sua bondade, o Seu amor, os Seus ensinamentos, e a Sua Justiça. Seja feita a SUA VONTADE, e não a nossa, o pão nosso de cada dia sempre nos tem dado, perdoai as nossas ofensas Senhor, e ensina-nos a perdoar aqueles que têm nos ofendido.
Não nos deixe ser levado pela vaidade, orgulho, avareza, concupiscência da carne, mas abra a nossa consciência para que não pequemos contra Ti. Amem.


DESTE MUNDO NADA ESPERO.

EU SÓ CREIO NA PROMESSA DA VIDA ETERNA, NO SOFRIMENTO DOS QUE PREGAM O EVANGELHO DA SALVAÇÃO.

Eu não tenho o costume de falar sonhos promessas, eu recebo centenas de E- mail  com lindas frases, acompanhadas de promessas maravilhosas, promessas que a minha vida  financeira vai mudar que Deus vai abrir as portas para mim. A única promessa que eu acredito é que Jesus virá, e todos hão de Vê-lo, e se eu não estiver caminhando dentro dos padrões os quais Ele estipulou; posso me considerar morto, reprovado para herdar o Reino dos céus, mas de uma coisa eu tenho certeza; Deus não faz a nossa vontade e sim a Dele.
A bíblia é uma coleção de livros cheios de más interpretações e promessas que na verdade não são da responsabilidade de Deus, e sim do desejo de adquirir poder do homem.
Na era medieval a igreja tinha o poder sobre a humanidade, e para que os lideres religiosos pudessem dominar as nações colocavam Deus como monstro, um Deus agressivo com dupla personalidade, de manha Ele amava o povo, a tarde Ele destruía a todos. Mas aqueles que O obedeciam poderiam ser felizes, ou pagar pelo erro de outros.
Eles também criaram um Deus de promessas, de sonhos, porque nessa época só podia publicar o que as autoridades religiosas permitiam, e se alguém ousasse publicar algo que fosse contra os lideres seria queimado em praça publica.
E por essa razão eu não creio em tudo que leio no velho testamento, tenho aprendido que para adquirir poder o homem faz qualquer coisa, distorcem até a palavra de Deus.
Antigamente os homens inventavam muitas histórias, eles sabiam que
Com a nação dominada pelo medo, eles tinham total poder.
Hoje quando alguém tenta me enganar com promessas que Deus fez para o povo Hebreu eu ignoro, porque não faço parte da tribo de Israel, vivo para Jesus, e sei que Deus não tem dupla personalidade como nós humanos.
O velho testamento é cheio de verdades vindas de Deus, mas contem muitas mentiras acrescentadas pelas mãos dos homens que viviam em busca de poder.
Não despreze o velho testamento, mas analise com cuidado cada história.
Que o Deus de amor, aquele; o Pai de Jesus Cristo possa nos dar sabedoria para que não sejamos enganados.

Editado por José Simião.
17/10/2012

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

DEMOCRACIA, OU VIOLÊNCIA?



O mau uso da língua pode trazer desgraças, mas os que têm controle dela; têm uma vida de paz. O homem tolo para se tornar popular, faz grande agito e rebeliões, mas o homem sábio em suas palavras semeia a paz e ganha a confiança de seus ouvintes.
Tiago 3 : 2 – 10
Se alguém pode dominar a sua língua, isso prova que ele tem perfeito domínio sobre si próprio em tudo o mais.
Podemos fazer com que um cavalo grande se volte, e vá para onde quisermos, por meio de um pequeno freio em sua boca. E um leme minúsculo faz com que um enorme navio se volte para qualquer lado que o piloto queira que ele vá, mesmo que os ventos sejam fortes.
Assim também a língua é uma coisa pequena, mas que prejuízo imenso pode provocar! Uma grande floresta pode incendiar-se por meio de uma centelha pequenina. E a língua é uma chama de fogo. Está cheia de maldade e envenena todos os membros do corpo. E é o próprio inferno que ateia fogo à língua, que pode transformar toda a nossa vida numa chama ardente de destruição e desastre.
O homem tem domesticado, ou podem domesticar qualquer espécie de animal ou ave que tem vida, e qualquer espécie de serpente e de peixe, mas nenhum ser humano pode domar a língua. Ela está sempre pronta a expelir seu veneno mortífero.
Umas vezes, a língua dá louvores ao nosso Pai celestial,  e outras ela rompe em maldições contra os homens que são feitos à  semelhança de Deus.
Eu não sou bilaquense, mas voto nesta cidade, mas para falar a verdade de todas as cidades que morei no Brasil essa é a melhor que encontrei, Bilac é uma cidade calma onde todos se conhecem, poderíamos dizer que Bilac não é apenas uma cidade e sim; uma grande casa onde mora uma grande família.
Quando uma família entra em contenda é o fim do lar, somos livres para tomar as nossas decisões, não é com violência que vamos educar os nossos filhos, não é com violência que o meu amigo ou vizinho vai mudar de partido, pelo contrario quando agimos com violência; estamos apenas mostrando realmente o quem somos.
Os nossos filhos e netos estão sendo educados a não respeitar a decisão dos outros, nas escolas as crianças ofendem aos colegas por causa desta porcaria de política.
Brigas de socos e ponta pés, faca, facão, canivetes, menores alcoolizados portando armas, tudo isso para dar ibope para seus candidatos.
Pessoas que brigam não pelo bem da cidade, mas para defender seus candidatos, para satisfazerem o seu ego, sabemos que nunca vai existir um prefeito perfeito que satisfaça 100% a população, de uma coisa eu tenho certeza aqui não brigam pelo bem estar do povo, mas brigam por ter prazer de humilhar aos amigos, ridicularizar famílias,  bares e lanchonetes que só podem frequentar  partido A ou B, vizinhos que provocam o outro, se você e de outra cidade e tem um carro amarelo ou azul não pode parar em bares ou posto onde se reúne os eleitores, o carro pode ser riscado, ou pneus furado,  isso não é democracia e sim ditadura.
Eu nunca vi tanto ódio nas pessoas como tenho visto no povo  nos dias de campanhas eleitorais, eu pergunto o que ganhamos com isso, será que se durante essas campanhas alguém cometer um crime estes candidatos pagaram advogados para defender o criminoso, ou a vitima? Será que eles vão sustentar a família de quem perder o pai nestas guerras? Ou se um de nossos filhos sofrerem um acidente e ficar paraplégico durante estas chamadas carreatas que invadem as ruas com gestos obscenos, e palavrões, quem irá proteger a nossa família? O mais triste é quando alguém comete um crime para defender o seu candidato a Justiça não o considera como um herói, e sim como um arruaceiro, criminoso.
Precisamos mudar o nosso conceito a respeito da política, devemos entender que precisamos viver em paz, educar os nossos filhos não dando a eles a impressão que para eleger um candidato que uma parte dos eleitores acredita ser o melhor, é preciso agir com violência.
Eu não sei até que ponto certos candidatos e eleitores vêem os ensinamentos de Jesus, quando Ele fala a respeito do amor ao próximo, é muito triste nos dias de campanhas política ouvirem de amigos e vizinhos; ofensas verbais, gestos obscenos, como se a amizade não tivesse nenhum valor, como se os candidatos que pretendemos eleger fossem transformar a cidade em um paraíso.
Os generais montam suas estratégias de guerra, mas quem luta e morre são os soldados, os generais continuam sentados em suas cadeiras, e os pais dos saldados choram pela perda do filho, que muitas vezes lutaram para satisfazer à ambição dos poderosos.
Eu espero que nas próximas eleições cada candidato de ambos os partidos permitam que Deus esteja ao seu lado na hora em que forem abrir a boca, que possamos ouvir boas propostas e não ofensas aos adversários, e que nós os eleitores deixemos – nos de ser escudo de faca, facão, revolver, porretes para defender os nossos candidatos.
Uma grande tragédia pode vir a acontecer se não passarmos a respeitar o direito de cada um como cidadão livre.

Editado por José Simião.
12/10/2012

terça-feira, 2 de outubro de 2012

PROFANARAM A CRUZ



Devemos fazer qualquer coisa para ganhar alguém para Jesus? Ou devemos nos orientar dentro da palavra de Deus; a bíblia sagrada.
O evangelho de Jesus tem sido divulgado de forma profana; para agradar o tipo de povo que frequenta os modernos templos e os costumes que eles não conseguiram se libertar.
A preocupação não é cultuar a Deus como um Deus santo e sim, agradar ao publico, o importante é manter o templo cheio Jesus é apenas mais um deus da mitologia.
As igreja fugiram das doutrinas da bíblia para agradar a jovens que não querem abandonar os  costumes que satisfazem os seus desejos carnais.
Eles montam templos em enormes galpões, ensinam para estes Jovens que o importante e servir a Deus; não é preciso ter nenhuma mudança, então eles fazem da seguinte forma se o jovem antes de aceitar o Jesus; curtia “Irom Maiden“ não tem problema podem montar a banda e tocar o mesmo estilo de musica a coreografia e a mesma, e até se vestem igual.
Então os que não querem mudança dizem que toda musica e de Deus, eu não penso assim a musica pode glorificar a Deus; ou desonrar o Seu nome.
Se crermos que foi Deus quem fez todas as coisas, a nossa língua também foi Ele, ela também pode glorificar a Deus, como pode também blasfemar contra Ele.
Eu creio que Deus é o criador de todas as coisas, mas muitos para terem os seus templos cheios vêm aceitando fazer os desejos de pessoas que não apagaram de suas mentes os velhos desejos carnais.
Se não há mudança não houve arrependimento, da mesma forma se não houve arrependimento não houve conversão
O importante não é se Deus está gostando, e sim; a multidão, a multidão é a alma do negocio 
Muitos pastores e apóstolos descobriram que manter uma igreja com membros que não querem deixar os costumes mundanos é lucrativo, sem mudança de vida somos livres, mas existe um sério problema para quem não quer transformação; ele ainda está nas trevas, está iludindo a si mesmo.
Colossenses 2 : 6 -7 E agora, assim como vocês confiaram em Cristo como Salvador, confiem Nele também para os problemas de cada dia; vivam em união vital com Ele. Deixem que as raízes de vocês se aprofundem nele e extraiam dele a nutrição. Cuidem de continuar a crescer no Senhor, e tornem-se fortes e vigorosos na verdade. E que a vida de vocês transborde de alegria e gratidão por tudo quanto Ele tem feito.
A concupiscência da carne: se engloba em todas as coisas que dão prazeres que satisfazem os desejos da carne, entretenimento, conforto, diversão, isso inclui os vícios televisão, filmes, musicas, danças.
Muitas igrejas vivem em pecado porque temem ensinar aos seus membros as doutrinas dadas aos apóstolos pelo Espírito Santo, outras não ensinam para os membros si sentirem a vontade, livres sem compromisso com Deus.
Ouvindo as doutrinas de certas igrejas, não temos a menor duvida que sejam as igrejas do pecado. Elas têm aumentado a cada dia e estão com as portas abertas, igrejas imprudentes,  igrejas que não sabem o que agrada a Deus, não sabem se pertencem ou não a Deus.
Deus quer que reconheçamos os nossos pecados, mesmo o que nunca tenhamos cometido adultério ou assassinato, estamos sujeitos a ser condenados por mentir, ou por cultuar falsos  ídolos, ídolos da riqueza ou do poder, sem conhecer o propósito de Deus em nossas vidas é impossível saber se pertencemos a Ele ou não.

COM OS OLHOS VEDADOS NA BEIRA DO ABISMO.

Posso ser o melhor cantor das chamadas musicas gospel, mas se eu tiver compromisso só com o publico e não com Deus, sou um deficiente visual das coisas espirituais, eu tenho que ter o bom senso de entender que o meu maior compromisso é com Deus; porque eu estou usando o Seu nome para vender CDs, posso até ganhar fama, mas é preciso que eu divulgue o evangelho, porque quando assumimos o ministério do louvor, estamos assumindo um compromisso com Deus.
Não querendo menosprezar o deficiente visual, muitos crentes se fazem de cegos, ou colocam uma venda nos olhos para brincar na beira do abismo, e o pior; muitos são Mestres da palavra.
Precisamos ter certeza se pertencemos a Cristo ou não. I João 2 : 3 – 6 E como podemos ter certeza de que pertencemos a Ele? Olhando para dentro de nós mesmos:  estamos realmente procurando fazer o que Ele quer que façamos? Alguém poderá dizer: “Eu sou cristão, ou estou no caminho do céu, eu pertenço a Cristo”. Mas se não fizer o que Cristo lhe manda, é um mentiroso. Mas aqueles que fazem o que Cristo lhes manda, aprenderam a amar a Deus cada vez mais. Está é a maneira de saber se você é ou não é um cristão. Qualquer um que diga que é cristão deve viver como Cristo viveu.
Devemos imitar a Cristo ou ao mundo para semear palavra? Se Jesus vivesse em nosso meio fisicamente Será que Ele imitaria o mundo e seus costumes para ganhar almas, ou manteria as mesmas doutrinas dadas aos apóstolos pelo Espírito Santo? Certa vez um amigo policial me disse algo muito interessante: existem pessoas que gostam de ter a aparência de marginais, eles fazem questão de ser vistos como pessoas que não cumpre as Leis do país.
Muitos são boas pessoas, trabalhadoras, honestas, mas gostam de manter a imagem de marginais, então quando os vemos na rua somos obrigados a abordá-los, porque infelizmente a aparência nos deixa duvidosa, mas eles preferem ser abordados pela policia a ter que mudar a suas aparências.
Assim tem acontecido dentro dos templos muitos querem servir a Deus, mas da sua maneira, sem nada mudar, carregando a velha aparência, o velho costume mundano, olhos totalmente vedados não fazem questão de conhecer o que é preciso fazer para agradar a Deus, preferem caminhar duvidosamente, mas não querem ir a busca da verdade dentro da bíblia.
Acreditam em tudo que seus mestres lhes falam, as mensagens que mais lhes agradam são aquelas que Deus fazia para o seu povo no velho testamento, de preferência aquelas que prometem realizações de sonhos, mas quando ouvem as exortações dadas pelo Espírito Santo tapam os seus ouvidos e olhos, preferem viver de sonhos, mas não querem ter a certeza que pertencem a Cristo.
A palavra converter quer dizer transformar, vida nova, recomeçar, éramos cegos, vivíamos perdidos caminhando sem direção, se Jesus realmente nos transformou não é licito nos fingirmos de cegos.
Aquele que conhece a verdade e finge ser cego para não enxergar a verdade está cometendo suicídio, e o remédio para a cegueira espiritual são as cartas dos apóstolos.
As cartas dos apóstolos são vitaminas para o nosso corpo espiritual, elas não foram inspiradas por nenhum dos apóstolos, mas sim pelo Espírito Santo de Deus.
Jesus é maravilhoso, bondoso, mas acima de tudo; Ele é justo, e quem é justo não pode aceitar a injustiça.
NA GUERRA SEM ARMAS
Quando estamos com os olhos vedados pelo inimigo, perdemos a sensibilidade espiritual, não conseguimos mais sentir a presença do Espírito Santo, então parece que estamos com mal de alzaheimer, só conseguimos nos lembrar das coisas do passado, e se o no passado eu alimentava aos desejos da carne, haverá uma recaída.
A primeira coisa que Satanás faz com o crente que perde a visão espiritual; é mostrar a ele o que ele esta perdendo servindo a Jesus.
O jogo é assim, Satanás já consegui fazer o crente perder a vontade de orar e ler a bíblia, já é um grande passo para ele, agora ele sabe que você não quer mais ler a palavra então você abandonou tudo, a armadura, as armas, calçado, capacete, abandonou toda proteção de Deus. Leia  Efésios (6 : 10 – 17) Sabemos que atacar o inimigo desarmado é moleza, ele sabe tudo o que o pecador gosta, Outro detalhe Satanás conhece a bíblia mais que qualquer doutor em teologia.
O segundo passo é oferecer ao desviado os pratos pecaminosos, a principio você vai pegar aqueles pratos aparentemente mais leves, mas ele vai mandar os velhos amigos que você abandonou por amor a Jesus, e quando estes amigos chegarem surgirá o grande banquete com pratos abomináveis por Deus, mas ainda falta o nocaute.
O terceiro golpe de Satanás e fazer o desviado odiar a bíblia, ele não suportará mais ouvir  mensagem de Deus, nem no radio, na televisão,  na igreja nem pensar.
Se alguém for visitá-lo com a finalidade de trazê-lo novamente para Cristo, vai ser muito difícil porque está cego e surdo.
O evangelista que for visitá-lo deve ser uma pessoa cheia do Espírito Santo, porque Satanás colocará em seus lábios respostas que causarão desistência em quem está tentando resgatá-lo; para Jesus.
O comportamento interior dos que abandonam a Jesus, é assustador; o evangelista começa a falar, um vento assopra nos ouvidos e o cérebro parece estar desligado, ele não consegue entender nada, mesmo que tenha sido evangélico há muito tempo.
Outra reação quando o evangelista fala: o desviado começa a lembrar de uma história ou um fato qualquer e é impedido de escutar, mas nada relativo a bíblia, segundo algumas pessoas que eu ouvi parece que estão só em um deserto, no espaço, outros dizem que se sentem desligado no momento em que alguém está tentando resgatá-lo para Cristo.
Satanás tem as melhores técnicas para destruir cristãos desarmados.

AGINDO SEGUNDO A VONTADE DA CARNE

Eu testemunhei algumas pessoas tentando trazer de volta irmãos que sairão do caminho de Jesus, infelizmente o resultado foi negativo, eram pessoas sem a visão do Espírito Santo.
O primeiro erro que o pastor cometeu, ele disse ao rapaz: abandou a Jesus, você sabe que se Ele vier hoje você vai para o inferno, ele não disse si quer uma palavra de conforto, uma palavra que desse animo, não si exorta bruscamente quem está fraco na fé, mas é preciso mostra o amor de Jesus, se ao invés de evangelizar começarmos só a apontar erros e condenações isso só vai gerar irá, e o resultado ponto para o inimigo.
Eu tenho uma filha que já foi evangélica, inclusive quando ela nasceu eu o apresentei ao Senhor Jesus, mas com o passa do tempo ela não quis mais frequentar nenhuma igreja sabem por quê? Primeiro foram os amigos que fizeram a sua cabeça, na escola, nas festas isso já faz muitos anos.
A Rachel é muito bonita e inteligente, qualidades que herdou de mim, gosta de ser prestativa, mas odeia certos tipos de crentes; só vai ao templo quando quer. Compromisso com Deus nem pensar, até uns anos atrás ainda havia um pouco de esperança, mas agora ficou mais difícil.
Um pastor veio visitá-la com o propósito de leva - lá para igreja, mas foi uma grande decepção, ao invés de ele falar do amor de Jesus ele começou a falar da vida particular dela, quando este pastor foi embora ela disse: eu odeio este pastor conclusão, enquanto este pastor estava nessa igreja ela não pisava lá.
Falta de experiência, agiu segundo a sabedoria do homem, e não do Espírito de Deus, um caso que somente Jesus pode resolver.
Não aponte os erros dos que estão nas trevas, mas mostre a diferença entre a luz e as trevas.
Jesus não apontou os erros da prostituta, Ele não disse olha; você sai com dezenas de homens, leva uma vida suja, seu dinheiro é sujo, se você não mudar de vida irá para o inferno, não! Ele apena pergunta para ela: onde estão os teus acusadores? Nenhum deles acusou você? “ Não Senhor disse ela. Jesus disse:  Eu também não” João 8 : 1 – 11 Se Jesus agisse com ela como é de costume do homem pecador, Ele estaria atirando pedras nela.
Ele mostrou a ela e a nós que não existe nenhum ser humano perfeito diante dos olhos de Deus.
Podemos atirar pedras de verdade em uma pessoa, mas a nossa língua em mau uso, e uma pedrada que machuca quando não agimos pelo Espírito Santo de Deus.

Editado por José Simião.
01/10/2012


segunda-feira, 24 de setembro de 2012

O MESTRE E O INTERPRETE.



Quando Jesus trabalhava divulgando o Seu evangelho, os Seus discípulos não precisavam de se preocupar como fariam para divulgar os ensinamentos Dele; porque Jesus estava sempre junto deles. Jesus os instrui alertando-os de que; momentos difíceis viriam, ou melhor, Satanás faria de tudo para impedi-los de evangelizar.
Eu acredito que no inicio da jornada de Jesus Seus discípulos não imaginavam que seria tão doloroso serem representantes do Mestre, mas com o passar do tempo foi se aproximando o dia em que o mestre seria assassinado brutalmente então eles caíram na realidade e pôde ver qual seria o tamanho do sofrimento deles como apóstolos.
Pedro havia dito ao Mestre que morreria por Ele se fosse preciso, talvez o Mestre tenha dado um leve sorriso e dito a Pedro: Pedro, Pedro sei que você é Meu grande amigo, mas você ainda não está preparado para fazer o que disse, olha Pedro é duro o que vou lhe dizer, antes que o galo cante você me negara três vezes, dirás que não me conhece.
Mas quando Pedro viu que o Mestre estava preso, ele teve medo e infelizmente Pedro negou ao seu melhor amigo.
Seria Pedro um covarde? de forma nenhuma  Jesus disse que ele o negaria porque ele ainda era um homem carnal não estava preparado para defende-lo.
Muitas coisas que Jesus lhes disse eles não puderam entender, só vieram entender depois que foram cheios do Espírito Santo, “o interprete dos mistérios de Deus”.
Em atos dos apóstolos podemos ver a diferença, o mesmo Pedro que negou o Mestre agora está disposto a ser preso, ou mesmo até morrer para defender o nome do Mestre, O Espírito Santo de Deus estava com Pedro e todos os apóstolos, só havia um medo neles: não cumprir aquilo que o Mestre havia exigido deles; semear a palavra da salvação.
Pedro agora falava com toda ousadia a respeito do Mestre, falava para pessoas simples, cultas, governos, não, não havia barreiras e sim o desejo de falar a respeito da ressurreição, e das promessas que Jesus havia lhes dito.
 O preço da verdade Atos 4: 1 – 14 Enquanto eles estavam falando ao povo, os sacerdotes principais, o comandante da policia do templo e alguns dos Saduceus vieram a eles, muito incomodados de que Pedro e João estivessem afirmados que Jesus havia ressuscitado.
Eles prenderam Pedro e João, e como Já havia anoitecido, pôs os dois no cárcere para passar a noite. Porém muitos que ouviram a mensagem deles creram nela, de modo que o numero de crente agora já atingia cerca de 5.000 homens! No outro dia, aconteceu que um conselho de todos os Lideres Judaicos estava em sessão em Jerusalém – ali estava o supremo sacerdote Anás, Caifás, João, Alexandre, e outros dos parentes do supremo sacerdote. Assim foi que os dois discípulos foram trazidos à presença deles.
“Com que poder, ou autoridade de quem vocês fizeram isso?” Perguntou o conselho.
Vejamos no  versos 8 Pedro agora não é mais o Pedro carnal, e sim um homem cheio do Espírito Santo de Deus, agora Pedro está revestido do poder do Espírito Santo, nada podia impedi-lo de falar aquilo que o Espírito Santo de Deus havia colocado em sua boca, ele não podia negar aquilo que ele havia testemunhado pessoalmente, tudo que Jesus havia dito a ele e aos demais apóstolos havia se cumprido. Pedro foi um dos doze apóstolos oculares de Jesus, esteve frente a frente com o Mestre, caminhou ao lado Dele, teve o privilégio de ouvir as palavras que saiam da boca do Mestre dos Mestres.
 Um cristão oco, vazio, sem a presença do Espírito Santo o resultado é “traição, negar o nome de Jesus, pregar palavras mortas, sem utilidade Espiritual, vive mais na carne do que no Espírito.
Pedro então cheio do Espírito Santo disse-lhes: “Ilustres líderes e anciãos da nossa nação, se os senhores se referem à cura realizada no paralítico, e como aconteceu, permitam que eu claramente afirme aos senhores e a todo povo de Israel que isto foi feito no nome e no poder de Jesus de Nazaré, o Messias, o Homem que os senhores crucificaram - mas Deus ressuscitou.
É pela autoridade Dele que este homem se acha aqui curado! Porque Jesus, o Messias, é Aquele a quem se refere as escrituras quando falam de uma “pedra rejeitada pelos construtores que se tornou a pedra principal da esquina. Não há salvação em nenhum outro mais! Debaixo do céu inteiro não existe nenhum outro nome para os homens chamarem a fim de serem salvos”.
Quando o conselho viu a coragem de Pedro e João, e pode ver que eles eram evidentemente homens simples e sem cultura, ficaram espantados e perceberam o que a convivência com Jesus havia feito neles! Mas o conselho dificilmente podia desmentir a cura, visto que o homem que eles haviam curado achava-se bem ali ao lado deles.
O crente carnal não teria a mesma ousadia que estes homens tiveram. O crente carnal só sabe pedir o dar incentivo a outros para pedirem, pedem 365 dias no ano somente coisas de seus interesses vivem de sonhos, promessas podemos dizer que alguns só faltam morar dentro do templo, mas não estão preocupados em honrar o nome de Jesus divulgando o Seu evangelho.
Jesus foi para o Pai, e para que não ficássemos órfãos, desamparados Ele nos deixou o Espírito Santo, o nosso interprete, é Ele que nos dá todo o talento para que possamos executar a obra de Deus de uma forma segura e agradável aos Seus olhos.
O homem pode ser o mais simples, sem cultura, pode ser ignorado pelos doutores da teologia, mas se for guiado pelo Espírito Santo de Deus ele será um doutor especializado na área de ganhar almas.
Você não precisa saber quais era o costume do povo Hebreu, qual era o tamanho de Jericó, ou que tipo de vida existe nas águas do rio Jordão, não é o conhecimento histórico ou geográfico que convence alguém a aceitar Jesus como salvador, isso não tem nenhum valor para divulgar o evangelho de Cristo, mas se você for guiado pelo Espírito Santo e convencer as pessoas que Jesus é o autentico filho de Deus, e se a mesma a qual você estiver falado não se arrepender dos seus pecados e aceitar Jesus como seu único e suficiente salvador; estará condenada a segunda morte. Se você sabe fazer isso você é guiado pelo Espírito de Deus é um verdadeiro servo.
O importante não é ser conhecedor de histórias, e sim ganhador de almas, conhecedor do evangelho da salvação.
O Mestre amava a todos, mas os Seus discípulos eram especiais, homens que o Pai o entregou para que jutos com Ele aprendessem qual era o desejo do Pai para com a humanidade que estava sob o domínio do pecado.
O mais interessante que no meio de tantos homens sábios da época, conhecedores da Lei,  Deus Pai entregou para Ele homens de pouca cultura, homens brutos que precisavam ser educados, mas Deus tinha um plano na vida de cada um daqueles homens.
O crente que não permite a ação do Espírito Santo em sua vida, é simplesmente um crente de banco de igreja, é da casa para igreja, e da igreja para casa, para negar a Jesus, basta sofrer uma pequena pressão, uma proposta desonesta, um convite para a prostituição, por qualquer motivo negam o Mestre. Sem o Espírito Santo, somos vasos vazios, vasos  inúteis,  não somos ninguém.

JESUS NOS ENVIOU UM GRANDE AMIGO.

Um verdadeiro amigo sempre procura nos apresentar outro amigo, nunca um verdadeiro amigo vai nos apresentar alguém que não seja de sua total confiança, ou; alguém que queira destruir a nossa vida, mas o verdadeiro amigo oferecer ao seu amigo conforto segurança, alguém que ele  possa confiar.
Jesus sabia que a maioria dos que se interessaria pelo Seu reino e pelo seu ministério seriam pessoas simples, pessoas que teriam dificuldade para divulgar o Seu evangelho, por isso Ele pediu ao Pai que nos enviasse o Espírito Santo.
Nas igrejas da periferia podemos ver irmãos que possuem pouco estudo, mas quando falam de Jesus suas mensagens surtem efeito, são crentes que dependem de Deus, não podem contar com a sabedoria humana e sim somente com o Espírito Santo.
Sabemos que somente com a nossa sabedoria é impossível ganhar se quer uma alma para Jesus, podemos até levá-los ao templo, mas sem o toque do Espírito Santo as nossas palavras não têm vida, não podemos provar nada a respeito de Jesus com total segurança.
O Espírito Santo é o nosso grande amigo, é o próprio Deus no meio do povo, mas muito estão confundido danças indígenas, ou danças de entidades do candomblé com a manifestação do Espírito de Deus, gritarias semelhantes aquelas mulheres hindus.
 Muitos por ignorarem a palavra de Deus têm usado o Espírito Santo como isca para atrair pessoas, dando show, zombando do Espírito de Deus.
Um detalhe muito importante; o Espírito Santo se manifesta em quem Ele quer ou escolhe.
Ele nos observa e de acordo com o nosso relacionamento com o Pai, Ele distribui os dons dando a cada um segundo a Sua vontade, não somos nós quem o escolhemos e sim é Ele que nos escolhe.
Não estipule qual dom você quer, mas deixe que Ele mesmo o dê, Ele sabe o que fazemos melhor.
A obra de Deus é algo muito sério, mas por dinheiro muitos brincam de milagreiros, de dançarinos, faladores de dialetos que até mesmo Deus desconhece.
Fazem desordem dentro do templo, dezenas de pessoas falando em línguas desconhecida ao mesmo tempo, sabem por que está desordem? Ninguém sabe o que outro está falando, se ninguém entende isso significa que o Espírito de Deus está ausente.
Quando o Espírito de Deus se faz presente em um culto todos entende a todos; porque à interprete, mas se agirmos por impulso simplesmente vamos passar momentos de alucinações, passamos a ver o que não existe.

SATANAS USA CRISTÃOS COMO VIDENTE.
Ele usa os cristãos como seus profetas, fazendo profetizarem falsas promessas dizendo a crentes despreparados: olha, eu tenho uma grande obra para você, você é meu escolhido tenho grandes coisas estenda a tua mão e receba agora, ele usa os truques perfeitos para iludir o povo de Deus.
Os shamãs, os videntes entram em transe, desmaiam, falam línguas estranhas, se contorcem porque eles experimentam as forças Mali guinas, são especialistas em falar mentiras prometendo futuros brilhantes para os que neles acreditam.
Quando um destes vendedores de sonhos pega o microfone e começa a gritar; é fogo, é fogo  caindo no altar; eu posso ver o anjo de Deus aqui no meio da igreja, Ele vai operar, vai fazer milagres, se você crê erga a sua mão, então a igreja fica excitada e perde o autocontrole, então ele convida as pessoas que querem receber a imposição de mãos; uma grande multidão vai até ele, e ao impor suas mãos sobre suas cabeças, passam a viver alguns minutos de extasias, falam línguas estranhas, alguns dizem ter visão, outros caem no chão, alguns se contorcem.
São sintomas de manifestação de demônios que usam pessoas fingindo estar fazendo a obra de Deus.
Nos cultos das religiões primitivas o comportamento de seus adeptos é o mesmo destes  cristãos que são possuídos por demônios através da imposição de mãos.
Ficam confusos acreditam estar recebendo o Espírito Santo.
O Espírito Santo não veio para confundir o povo de Deus, muito menos para prometer futuros brilhantes.
Ele veio para que pudéssemos ter o conhecimento do certo e do errado, saber discernir o que é de Deus, o que é do diabo, Ele não permite que o verdadeiro cristão seja enganado com falsas profecias.
Gritarias é apenas uma forma de fazer o povo perder o autocontrole e o pregador ter total domínio sobre a igreja.
Nem sempre gritos, línguas estranhas, provam que o Espírito de Deus está agindo.
 O verdadeiro Espírito de Deus age de forma decente sem causar escândalos com o objetivo de honrar, e glorificar o nome de Deus.
I Corintios 12 : 8-11 A um o Espírito concede a capacidade de dar conselhos sábios; outros podem ser particularmente aptos para estudar e ensinar, e este é o seu dom vindo do mesmo Espírito.
Ele dá uma fé toda especial a outro, e a outro maior poder de cura os doentes.
 A alguns Ele dá o poder de fazer milagres; e a outros o poder de profetizar e pregar.
Ele dá a outros, ainda, o poder de conhecer se são maus espíritos que estão falando através daqueles que afirmam proclamar as mensagens de Deus – ou se realmente é o Espírito de Deus quem está falando. Ainda outra pessoa pode falar em línguas que jamais aprendeu;  e outros, que tampouco conhecem a língua, recebem o poder de compreender o que ela está dizendo.
É o mesmo e único Espírito Santo que dá todos esses dons e poderes, decidindo qual é o que cada um de nós de ter.
Um culto dirigido por alguém que é guiado pelo Espírito Santo não existe promessas de coisas materiais, mas falam somente sobre o reino de Deus; ali somos exortados pelo Espírito para que possamos caminhar em uma única direção, tomando cuidado para não tropeçar e cair no abismo. Para adorara a Deus precisamos conhecer o que Lhe agrada, Deus não gosta de coisas confusas e desordenadas.

JOGO SUJO.
É a tática mais usada pelos falsos pregadores do evangelho de Jesus, prometer sucesso para os seus ouvintes.   O ser humano é fácil de ser iludido; joga na loteria durante quarenta anos e morre pobre, compra títulos de capitalização na esperança de ser ganhador de supostos prêmios, isso não passa de simples ilusão, o único que sempre ganha é o banco; porque usa o seu dinheiro emprestando a outros com juros altos.
A melhor forma de segurar o publico em um templo é prometer melhoria de vida assim como financeira, saúde e sucesso; ser vista na sociedade como uma pessoa bem sucedida.
A atual doutrina é mostrar para o mundo que Jesus mudou a minha vida, um exemplo: “eu era pobre, perdido e sem Jesus, mas quando eu o aceitei a minha vida mudou: hoje tenho boa casa, carros, meus filhos estudam nas melhores faculdades, é uma troca eu aceito a Jesus e Ele me contempla com bens materiais”.
Existe um grande muro entre o reino de Deus e as coisas materiais, o mundo não pertence aos que pretendem herdar o reino de Deus.
O povo Hebreu vivia de promessas, obedecia; e Deus os fazia prosperar, não pertencemos mais a Lei que fazia o povo viver de sonhos.
Vivemos pela graça e o objetivo dos que vivem pela graça é pregar o evangelho, Jesus não nos prometeu, e nem ensinou aos Seus discípulos a pregarem promessas de prosperidade, muito pelo contrario a promessa que Jesus nos deu enquanto estivermos aqui no mundo é aflição, perseguição, sofrimento, morte pelo amor do Seu nome.
Se estes homens não oferecessem tantas vantagens materiais, seus templos seriam vazios.
Algumas igrejas passam vídeos de pessoas que segundo o apresentador do programa estavam falidas, mas após irem para a igreja recuperam tudo.
Podemos entender que não é preciso aceitar a Jesus, nem se arrepender de nossos pecados, basta ir para a igreja e tudo melhora.
Nos programas de TV só falam em campanhas para arrecadar tantos milhões, vendas de livros, CDs, testemunhos de prosperidades.
Não ouvimos nem se quer um testemunho de alguém que foi para uma destas igrejas e aceitou a Jesus e agora está evangelizando, o fazendo cultos em seus lares.
O mais triste é que muitos pastores lutam para ganhar uma alma para Jesus e depois que ele consegue a sua ovelha vai atrás destes vendedores de sonhos.
Os pregadores do verdadeiro evangelho poucos querem ouvi-los, eles não têm nada que satisfaça os sonhos dos que vivem nas trevas.
Eles não podem mentir, nem oferecer algo duvidoso suas palavras tem que ser conforme o Espírito Santo lhes ordena.
Muitos mestres da palavra estão cegos, Satanás os cegou os transformou em mercenários, em homens que vivem para ai mesmo.
Descobriram que fazendo promessas o povo permanece em suas igrejas, na esperança de receberem bens materiais vindo de Deus.

Editado por José Simião
24/09/2012