domingo, 5 de junho de 2011

DUAS MULHERES MUITO ESPECIAIS PARA DEUS.



A bíblia inteira é na verdade, uma mensagem do céu, fornecida pelo Pai celestial para a nossa instrução. Entretanto, duas mensagens especiais foram transmitidas há mais de dois mil anos por um anjo que “está a posto logo diante de Deus”. Seu nome é Gabriel. Examinemos as circunstâncias dessas duas visitas importantes á terra. È o ano 3 AEC. Nas colinas da Judéia, provavelmente não muito distante de Jerusalém, mora um sacerdote de Jeová chamado Zacarias. Ele e sua esposa, Isabel, Já estão idosos. E não tem filhos. Zacarias esta cumprindo seu turno no serviço sacerdotal no templo de Deus em Jerusalém Repentinamente, Gabriel aparece à direita do altar de incenso. Zacarias fica com muito medo. Mas Gabriel o acalma dizendo: “Não tenha medo, Zacarias, porque a tua súplica tem sido ouvida favoravelmente, e tua esposa Isabel, tornar-se á para ti mãe de um filho, e hás de dar-lhe o nome de João.” Gabriel proclama então que João “será grande diante de Jeová” e irá “aprontar para Jeová um povo preparado”. Contudo, Zacarias não consegue acreditar nisso. Parece impossível que, nessa idade, ele e Isabel possam ter um filho. Portanto, Gabriel diz: “Ficaras mudo e não poderás falar até o dia em que estas coisas ocorram, porque não acreditaste nas minhas palavras.” Bem, enquanto isso, as pessoas do lado de fora se perguntam por que Zacarias está demorando tanto no templo. Quando finalmente ele sai, sem conseguir falar, mas só fazendo sinais com as mãos, elas se deram conta que ele viu algo de sobre natural. Após terminar seu período de serviço no templo, Zacarias volta para casa. E, logo depois, isso realmente acontece Isabel engravida! Enquanto espera o nascimento do bebê, Isabel fica em casa, isolada das pessoas, durante cinco meses. Mais tarde Gabriel reaparece. E com quem fala? Com uma jovem solteira, chamada Maria, da cidade de Nazaré Que mensagem transmite desta vez? Ouça! “Achaste favor diante de Deus”, diz Gabriel a Maria. “Eis que conceberás na tua madre e darás a luz a um filho, e deves dar-lhe o nome de Jesus.” Gabriel acrescenta: “Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; e Ele reinará sobre a casa de Jacó para sempre, e não haverá fim do seu reino.” Podemos ter certeza de que Gabriel sente-se privilegiado em transmitir essas mensagens. E, ao lermos mais a respeito de João e de Jesus, entenderemos mais claramente por que essas mensagens do céu são importantes. Segunda Timoteo Cap.3:16 A bíblia inteira nos foi dada por inspiração de Deus, e é útil para nos ensinar o que é verdadeiro, e para nos fazer compreender o que está errado em nossas vidas;  ela nos endireita e nos ajuda a fazer o que é correto. Ela é o meio que Deus utiliza para nos fazer bem preparados em todos os pontos, perfeitamente habilitados para fazer o bem a todo mundo. O nosso Deus é o Senhor das coisas impossíveis. A idade de Sara esposa de Abraão já era avançada para suportar uma gravidez “mas” através da ação de Deus ela gerou a Isaque. Izabel a esposa de Zacarias também já idosa é abençoada e gera um filho com o nome de João Batista que será usado por Deus para abrir caminhos para uma nova geração de servos de Deus. Logo em seguida Maria uma virgem também recebe esta benção, esta grávida “mas” não por fecundação humana mas sim pelo Espírito de Deus, ela terá um filho e assim como o anjo Gabriel disse a Isabel que deveria por o nome de seu filho de João Gabriel diz a Maria que  o nome de seu filho deveria ser Jesus, e ele diz mais  Ele será um rei eterno seu reino nunca terminará. Deus age de formas que nos deixa  de queixo caído ficamos  a pensar como uma virgem naquela  época poderia ficar grávida sem ser tocada por Homem, Mas o poder de Deus vai além, muito além de nossa imaginação Maria estava esperando  uma  criança que mudaria o rumo  de nossas vida Espiritual. Ele é o filho de Deus gerado em uma mulher muito especial para Deus. Isabel já estava feliz por conseguir se engravidar já com sua idade avançada, imaginem Maria a virgem como estaria vibrando de felicidade  por estar esperando um filho que seria o Salvador da humanidade o Filho do Deus altíssimo. Quando Jesus começa o seu ministério João Batista já pregava a Salvação e batizava nas margens do rio Jordão. João era o profeta que haveria de vir com espírito de Elias. O seu comportamento era diferente das outras pessoas. Ele era o mensageiro do deserto o ultimo dos profetas de Deus. Mateus Cap.3:1-4 E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia. E dizendo: arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. Porque este é o anunciado pelo profeta Isaias, que disse: Voz do que clama no deserto: preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas. Este era João que tinha o seu vestido de pêlos de camelo, um cinto de couro em torno de seus lombos; era um tipo de roupa de um andarilho uma pessoa sem paradeiro que não tinha vontade própria o Espírito de Deus o guiava. Ele se alimentava de gafanhotos e de mel silvestre. A vida de João era totalmente diferente das outras pessoas ele viva no deserto, comer gafanhotos e mel silvestre nos da entender que João não habitava em sua casa com seus pais, mas sim ele cumpria uma missão, que mudaria a nossa historia. Quando Deus quer usar alguém Ele age de forma que muitas vezes chegamos a duvidar. Jesus foi gerado no ventre de uma mulher pecadora por herança de Adão e Eva, mas era justa e fiel, andava segundo a vontade de Deus. E Deus viu graça em Maria e deu a ela o privilégio de gerar o Salvador da humanidade. O ventre de Maria foi o mais abençoado de todas as mulheres. Isabel gerou João, que viria preparando o caminho para a salvação, Maria gerou o Salvador Jesus de Nazaré, o filho de Deus, o pai da Eternidade, Príncipe da paz, conselheiro, o Deus forte, o maior homem da historia da humanidade.

Texto Editado por José Simião
04/06/2011